O estado do Paraná vive situação antagônica no Campeonato Brasileiro de 2007. Enquanto os dois representantes locais, Atlético e Paraná, entram na reta final da competição brigando acirradamente para escapar da Segunda Divisão, pelo menos cinco jogadores criados nos gramados paranaenses brilham vestindo uniformes de times de fora. Pouco aproveitados ou negociados precocemente, Juninho e Lúcio Flávio (Botafogo), Adriano (Internacional), Miranda (São Paulo) e Thiago Neves (Fluminense) são exemplos do Paraná que dá certo. A Gazeta do Povo conta a história dos cinco jogadores, o que de certa maneira alivia a pressão de um estado que se acostumou a olhar a tabela de classificação da Série A deste ano com a preocupação de quem luta contra o rebaixamento.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]