Shaquille O'Neal, pivô do Cleveland Cavaliers e fã de artes marciais, visitou o Templo de Shaolin, considerado o berço do kung-fu, em Henan. O jogador está na China para divulgar um de seus patrocinadores, uma marca de material esportivo local.

"Estive em muitos lugares, mas visitar o Templo de Shaolin fez com que lágrimas escorressem de meus olhos. A visita não estava nos planos, mas não pude resistir à tentação", disse Shaq.

O pivô conheceu Shi Yongxin, monge do templo. Desde que ele assumiu o cargo, o templo recebeu várias ações de marketing, inclusive com os monges. O estilo de Shi foi criticado por alguns seguidores do budismo zen, que acusam o monge de levar o centro religioso como se fosse um negócio.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]