i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Mercado da Bola

Frustrado, Giovanni rescindirá contrato com o Santos

  • PorAgência Estado
  • 04/06/2010 16:50

Chegará ao fim na segunda-feira (7) a história de Giovanni no Santos. Aos 38 anos, o maior ídolo do clube nos anos 90 cansou de ser figura decorativa no grupo de Dorival Júnior e pediu para rescindir o contrato que terminaria em 4 de agosto, dia da decisão da Copa do Brasil. O seu sonho era estar em campo pelo menos nos minutos finais do segundo jogo da final do Paulista, mas ele ficou apenas no banco e comemorou discretamente a conquista.

Agora, o meia pediu para que o seu adeus fosse neste domingo, na Vila Belmiro, talvez com uma vitória sobre o Vasco, mas outra vez não foi atendido. Por isso, Giovanni sai frustrado e com a sensação de que foi útil apenas para ajudar o presidente Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro a destronar Marcelo Teixeira, depois de dez anos de presidência do ex-dirigente santista.

"Tive uma reunião com Edinho [procurador de Giovanni] na terça-feira, quando ficou acertada a rescisão do contrato. Em vez da despedida em um jogo, o departamento de marketing do clube está trabalhando para a realização de um evento", explicou o gerente de futebol, Paulo Jamelli, nesta sexta. De acordo com o dirigente, a festa de encerramento da carreira de Giovanni poderá ser com dois jogos, um no Pacaembu e outro na Vila.

Há 15 dias, Giovanni procurou Jamelli, seu companheiro de time em 95, e expôs a sua insatisfação. Ele argumentou que de nada adiantaria gozar 15 dias de folga durante o recesso da Copa do Mundo, participar da intertemporada na volta e logo em seguida ir embora, em razão do encerramento do contrato. Ele percebeu que não tinha mais nada a fazer no futebol do Santos.

O meia participou de quatro jogos do Paulista e marcou um gol - contra o Rio Claro. Pela Copa do Brasil, foram dois jogos e no Brasileiro a participação nos minutos finais da partida contra o Atlético-GO, em Goiânia. Giovanni também atuou no amistoso contra o New York Red Bulls, em Nova York, e foi muito mal. Ele estava com dengue e depois ficou quase um mês em recuperação.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.