Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Paulo Baier foi um dos melhores em campo na vitória do Atlético contra a Ponte Preta | Denny Cesare / Agif / Folhapress
Paulo Baier foi um dos melhores em campo na vitória do Atlético contra a Ponte Preta| Foto: Denny Cesare / Agif / Folhapress

FICHA TÉCNICA: Veja como foi Ponte Preta 3x4 Atlético

Foi sofrido e emocionante, mas enfim o Atlético conseguiu a sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro ao derrotar a Ponte Preta por 4 a 3 na noite desta quarta-feira (5), no Moisés Lucarelli, em Campinas. O gol da vitória saiu nos acréscimos, aos 47’ do segundo tempo, com Marcão. Além dele, outro grande nome do jogo foi o meia Paulo Baier, que marcou um gol e participou de outros dois no jogo. Ederson e Everton também marcaram para o Rubro-negro. Já os gols da Ponte foram marcados por Chiquinho e William, duas vezes. O jogo Com Paulo Baier jogando sua primeira partida como titular no ano, o Atlético começou a partida tendo mais volume nas jogadas ofensivas, mas errando muito nas finalizações. Apesar de não levar muito perigo no campo de ataque, foi a Ponte quem abriu o placar, aos 23 minutos, com Chiquinho, em cobrança de falta e contando com a falha na saída do gol do goleiro Weverton. A vantagem no placar deu mais tranquilidade ao time de Campinas, que passou a armar mais jogadas principalmente com Chiquinho. Mas aí brilhou a estrela do meia Paulo Baier: aos 35 minutos, após bela jogada de Felipe, ele recebeu na área e chutou cruzado para vencer Edson Bastos e empatar a partida. O segundo tempo começou com a defesa do Atlético desatenta e aos 23 segundos William recebeu bom passe de Rildo para fazer 2 a 1. Mas o maestro Paulo Baier conduziu o time atleticano para mais um empate: aos 10 minutos, Pedro Botelho cruzou da esquerda, Paulo Baier finalizou e no rebote de Edson Bastos, o artilheiro Ederson concluiu a gol e marcou o seu terceiro gol no Brasileirão. A virada atleticana veio aos 18 minutos: Everton fez grande jogada individual, foi auxiliado por Baier que chamou a marcação, e chutou firme para colocar o Atlético à frente do placar e fazer 3 a 2. Mas uma nova falha na marcação atleticana impediu a primeira vitória do Atlético no Brasileirão. Aos 40 minutos, William recebeu livre da marcação e chutou forte para empatar o jogo.

Quando tudo parecia se encaminhar para mais um empate, principalmente após uma sequência de duas defesas impressionantes do goleiro Weverton, o atacante Marcão, que entrou no finalzinho do jogo deu números finais ao jogo: aos 47’, ele recebeu no campo de ataque, invadiu a área e fuzilou contra a meta de Edson Bastos, fazendo 4 a 3 para o Atlético.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]