Dudu e Ícaro são dois dos jovens que o Coritiba tem em seu elenco | Marco André Lima / Gazeta do Povo
Dudu e Ícaro são dois dos jovens que o Coritiba tem em seu elenco| Foto: Marco André Lima / Gazeta do Povo

A chegada do novo contratado Celso Roth, na próxima segunda-feira, reabrirá as avaliações na base alviverde. Uma nova oportunidade para um grupo que não assegurou espaço após os testes no início desta temporada. Em cinco jogos com garotos na largada do Campeonato Paranaense, 12 atletas foram promovidos, mas nenhum se firmou no time principal.

"Teremos algumas reuniões e eles serão reavaliados. Na verdade as avaliações são diárias. As possibilidades de trabalho dependem de muitas variáveis, entre elas o treinador", afirmou o superintendente de futebol André Mazzuco, que já coordenou as categorias de base do clube.

O dirigente reconhece que a torcida alviverde está carente de ídolos caseiros. "Nos últimos dois anos a equipe enfrentou algumas dificuldades [no Brasileiro, com a ameaça de rebaixamento]. Um jogador jovem que estreia em uma fase ruim e vai mal fica prejulgado. Por isso, temos esse cuidado, porque a exigência é maior", explicou. "Mas mesmo sendo preservados, eles são bastante cobrados também. É um trabalho de médio a longo prazo", reforçou Mazzuco.

Dos pratas da casa utilizados recentemente, o volante Willian foi negociado neste ano com o Cruzeiro. Seguem no grupo os zagueiros Luccas Claro e Bonfim, também forjados no CT da Graciosa.

Com 17 anos e chamado de "novo Roberto Carlos", o lateral-esquerdo Abner é uma das grandes revelações do clube. Mas a aposta é muito mais de mercado do que propriamente para defender o time principal. O jogador chegou a ter a venda anunciada para a Roma por R$ 16 milhões em dezembro, mas o acerto foi negado pelo Coritiba. Abner se recupera de uma lesão no joelho esquerdo, sofrida quando defendia a seleção brasileira no Mundial sub-17, em setembro.

Entre os mais jovens, seguem relacionados no grupo principal o lateral-direito Rhuan (22 anos), os volantes Djair (22) e Ícaro (20), e os meias Denner (19) e Dudu (22), representando 35% do elenco, e à espera da chance de disputar a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]