Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
O meia Celsinho foi dispensado pelo Londrina por indisciplina. | Roberto Custódio/Jornal de Londrina
O meia Celsinho foi dispensado pelo Londrina por indisciplina.| Foto: Roberto Custódio/Jornal de Londrina

Ele chegou com status de astro pop, descendo de helicóptero no gramado do Vitorino Gonçalves Dias. Na bagagem, a inevitável comparação com Ronaldinho Gaúcho – além do óbvio visual de cabelos compridos, os dribles seriam muito parecidos com os do então craque do Barcelona. Vieram os gols, os títulos, e três anos depois de uma relação conturbada de amor e ódio com torcida e dirigentes, a passagem de Celsinho pelo Londrina chegou ao fim nesta terça-feira (7).

A dispensa do jogador foi confirmada pelo gestor do time, o empresário Sérgio Malucelli, em entrevista coletiva no CT da SM Sports. O estopim teria sido uma atitude de indisciplina do atleta no fim da partida do Tubarão com o Guaratinguetá. Ainda na saída de campo, ao ser questionado por um repórter como havia sido a partida o camisa 10 respondeu “uma m...”. Ao entrar nos vestiários, o meia teria tido uma discussão bastante acalorada com Malucelli, que justificou a briga como motivo para romper o contrato com o jogador.

Outra baixa anunciada foi a do também meio campo Marcos Paullo. Com passagens por times goianos, como o Goiás, Vila Nova e Trindade, e também pela equipe americana do New York Red Bull, ele teve vida curta no Tubarão. Chegou em maio, pouco jogou, e por ter tido um fraco desempenho nas partidas que disputou também foi dispensado por Malucelli.

Novas dispensas devem ser anunciadas nos próximos dias. Jogadores que estariam no Londrina por empréstimo e que estão com o rendimento abaixo do esperado também estão com a corda no pescoço. Para suprir a falta desses jogadores, novos atletas estão na mira do empresário e devem ser apresentados em breve.

Polêmicas

Celsinho foi revelado em 2005 nas categorias de base da Portuguesa. Era considerado uma das grandes promessas do futebol brasileiro, sendo comparado a Ronaldinho Gaúcho pelo estilo de jogo e pela fisionomia. O atleta fez parte das seleções de base do Brasil e participou da campanha do vice-campeonato brasileiro no Mundial Sub-17, em 2005, no Peru.

Com apenas 16 anos, Celsinho foi vendido por seis milhões de euros ao Lokomotiv Moscou, da Rússia, atuando, dois anos depois, pela equipe portuguesa do Sporting. A passagem pela Europa foi conturbada por problemas fora de campo, com álcool e noitadas, prejudicando a imagem do jogador, que não conseguiu se firmar no futebol exterior.

No Londrina, a passagem de Celsinho também teve polêmica. Um ano depois de desembarcar no clube, o meia chegou a ser afastado por ter se envolvido em uma briga na saída de uma casa noturna.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]