i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Série B

Grama da Vila ganha novo ‘remendo’

Paraná aproveita a parada da Copa para reformar mais uma vez o gramado do Durival Britto, constantemente criticado pelos jogadores

  • PorJulio Filho, especial para a Gazeta do Povo
  • 22/07/2014 21:04
 | André Rodrigues/ Gazeta do Povo
| Foto: André Rodrigues/ Gazeta do Povo

Mercado

Paraná atende Claudinei Oliveira e Pedro Castro já treina com o grupo

Especulado desde o final de junho, o meia-atacante Pedro Castro foi confirmado ontem como reforço do Paraná. Apesar de ainda não ter sido anunciado oficialmente, ele passou por exames médicos já participa normalmente dos treinos da equipe com os demais jogadores.

O meia-atacante é mais um pedido do técnico Claudinei Oliveira (de vermelho na foto), com quem trabalhou no Santos, clube no qual foi revelado — além dele, Lucas Otávio e Tiago Alves são outros jovens atletas que chegaram neste ano ao Tricolor vindos do Peixe a pedido do treinador. Além do Peixe, Pedro Castro teve ainda uma passagem rápida pelo Espanyol, de Barcelona, no início desta temporada. "É um meia com muita força e que chega bastante na área, para fazer gols. Além disso, finaliza muito bem de fora da área também", elogiou o amigo Lucas Otávio.

Edson Sitta

O volante, que sofreu uma lesão no tornozelo esquerdo logo no início da intertemporada do Paraná, voltou a treinar ontem. Titular no início da Série B, o atleta briga com os jovens Lucas Otávio e Marcos Serrato no meio de campo tricolor.

Após duas partidas seguidas fora de casa nesta Série B — derrota para o América-MG por 1 a 0 e empate com a Portuguesa por 1 a 1 –, o Paraná volta à Vila Capanema para encarar o ABC, sábado, às 21 horas. Reencontro marcado por velhos problemas, já que as condições do gramado do estádio, que foi totalmente trocado no ano passado, seguem preocupando os jogadores – o clube usou a parada para a Copa para mais uma minirreforma no terreno.

"Nos dois últimos jogos, tanto no Independência quanto no Canindé, os gramados estavam um tapete, padrão de Copa do Mundo. Isso nos ajudou a realizar boas partidas, pela condição de time leve e de toque de bola que temos", explicou o meia Lúcio Flávio, capitão tricolor. "Pelo grande período em que esteve sem utilização, esperamos um gramado bom neste retorno. Até porque neste ano, tirando o campo do Oeste, em Itápolis, o nosso era o pior da Série B", emendou o camisa 10.

A última partida do time em casa foi a derrota para o Luverdense, pela 10.ª rodada, ainda no início de junho. Desde então, a equipe realizou seus treinamentos na Vila Olímpica e no CT Barcelos, justamente para que o gramado do Durival Britto pudesse receber tratamentos durante a intertemporada.

Apesar da iniciativa, os constantes problemas financeiros do clube impediram que todas as medidas para deixar o campo da Vila um "tapete" fossem tomadas pela direção paranista. "Fizemos um processo de adubação e descompactação. No sábado o gramado deverá apresentar um aspecto melhor", disse Dênis Renaux, engenheiro agrônomo da empresa Grasstecno, responsável pela manutenção do campo do Tricolor.

Uma prévia do que aguarda o elenco no sábado poderá ser visto amanhã, quando os jogadores fazem um treino de "reconhecimento do gramado" no Durival Britto. "Faz tempo que não treinamos lá, então esperamos que nessa parada da Copa eles possam ter reformado o campo. Mas agora temos de jogar aonde for, pois o Paraná precisa sair dessa situação incômoda e no sábado só interessa os três pontos", cravou o volante Lucas Otávio.

O Paraná está na zona de rebaixamento da Série B, com dez pontos em 12 rodadas, e não vence há cinco partidas na competição — o último triunfo ocorreu na 7.ª rodada, quando a equipe venceu o Náutico, na Vila Capanema, por 2 a 0.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.