i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
série B

Paraná descarta Fernando Miguel e busca ‘novo Caio Jr’ para o comando

  • PorEduardo Luiz Klisiewicz
  • 21/10/2015 17:48
Quando deixar o cargo de técnico interino, Fernando Miguel segue como auxiliar-técnico do Paraná. | Aniele Nascimento/Gazeta do Povo
Quando deixar o cargo de técnico interino, Fernando Miguel segue como auxiliar-técnico do Paraná.| Foto: Aniele Nascimento/Gazeta do Povo

Os três empates seguidos que obteve como técnico interino do Paraná não mudaram o status do auxiliar técnico Fernando Miguel. Miguel assumiu o time após a demissão de Fernando Diniz e revelou seu desejo em iniciar a carreira de treinador. Sonho que deverá ser adiado, segundo o superintendente de futebol do clube, Durval Lara Ribeiro, o Vavá.

O dirigente garante que o clube não tem urgência em encontrar um novo treinador. “Vamos pensar com calma e por enquanto garantir que o time termine o ano na melhor situação possível”, afirma Vavá, que descartou a efetivação de Miguel. “Ele é auxiliar técnico da comissão permanente. Vai simplesmente terminar o ano como treinador”, sentencia.

O novo comandante paranista, responsável pela montagem do time para a temporada 2016, será escolhido nos próximos meses. Entre os nomes cogitados pelo dirigente, o preferido está empregado. “O que queríamos está trabalhando. Por isso mesmo vamos esperar o fim do ano para negociar”, explica Vavá.

Aposta certeira

O clube optou por seguir um perfil bastante conhecido e que já rendeu grandes frutos para o Tricolor. “Lembra que trouxemos o Cuca, que estava parado, o Adilson Batista e o Caio Júnior? Não tenha dúvida de que teremos um nome com esse perfil jovem, com uma mentalidade parecida com a que eles tinham”, explicou Vavá.

Os nomes citados pelo dirigente fizeram bons trabalhos no Paraná e decolaram em suas carreiras após suas passagens pela Vila Capanema. Caio Jr, inclusive, levou o time à 5ª colocação em 2006, e disputou a Copa Libertadores da América em 2007. “O cara tem que ter qualidade comprovada, ser jovem e ambicioso”, concluiu.

No Paraná desde a metade do ano, Fernando Miguel se encaixa dentro do perfil jovem e ambicioso procurado pela diretoria, mas tem pouca experiência como treinador. Logo que assumiu o comando do time de forma interina, revelou que pretendia seguir no comando do Paraná.

“Com certeza eu tenho essa ambição. Tantos treinadores começaram dessa forma, como interinos, e o negócio andou e hoje são o que são. Espero que eu possa fazer um bom trabalho”.

Faltam sete jogos para Miguel tentar mudar a ideia de Vavá e seus pares de diretoria.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.