Presidente do UFC no Brasil, Giovani Decker, com Anderson Silva: expectativa de venda rápida de ingressos em Curitiba. | Hugo Harada/Gazeta do Povo
Presidente do UFC no Brasil, Giovani Decker, com Anderson Silva: expectativa de venda rápida de ingressos em Curitiba.| Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

Os ingressos para o UFC 198, no dia 14 de maio, em Curitiba, devem acabar logo no primeiro dia de vendas oficiais, acredita o presidente do campeonato no Brasil, Giovani Decker.

Depois de dois dias de pré-venda para sócios do Atlético e assinantes do canal Combate, aproximadamente 16 mil entradas foram comercializadas, de acordo com o dirigente. A venda oficial começa nesta quarta-feira (30), a partir das 10 horas, no site Livepass e também em bilheterias credenciadas em Curitiba, Porto Alegre, São Paulo e Rio de Janeiro.

Vítor Belfort oferece ingressos do UFC a Sergio Moro: “Orgulho lutar na terra dele”

Leia a matéria completa

Saiba como comprar ingressos para o UFC Curitiba

Leia a matéria completa

“É uma tendência [os ingressos se esgotarem já na quarta]. Estamos fazendo de tudo para proteger os fãs de MMA. Inclusive estamos reduzindo a capacidade de compra por CPF para quatro por pessoas [antes era oito por pessoa]”, disse Decker, no evento de lançamento da venda de ingressos, nesta terça-feira (29), em Curitiba.

“É um problema [vender tudo rápido]. Nos frustramos com a frustração do fã [que não conseguir comprar], mas honestamente é sinal da qualidade do evento. É melhor do que não vender nada”, emendou.

O UFC 198, o primeiro torneio de MMA em um estádio no Brasil, terá cerca de 42 mil lugares à venda (três mil são destinados a patrocinadores). Destes, 26 mil estarão à disposição do público na manhã de quarta.

"Sai de bombado para brocha", diz Anderson Silva sobre caso de doping

Leia a matéria completa

Mesmo com 38% dos tíquetes esgotados ainda na pré-venda, Decker ressalta que ainda haverá uma carga de ingressos mais baratos, que custam R$ 139. Porém, restam apenas de 6,5 mil entradas deste nível. No segundo patamar mais barato (R$ 200), serão mais quatro mil entradas. O ingresso mais caro custa R$ 5000 (com experiência VIP).

“Não é para se desesperar. Ouvi que não teriam ingressos dos preços mais em conta, mas não é verdade. Nosso sistema trancou a pré-venda quando chegou a um determinado número”, frisou, contente com o modo com que a preparação para o evento está caminhando.

“É um card perfeito. Tem luta pelo cinturão, tem luta para todos os gostos. Uma série de elementos que tornam o card dos sonhos. Tem quatro paranaenses. Um dos melhores da história do UFC”, fecha.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]