Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Tony Martin desgarrou do pelotão nos últimos quilômetros e venceu com certa folga na chegada ao território francês. | Yoan Valat/EFE
Tony Martin desgarrou do pelotão nos últimos quilômetros e venceu com certa folga na chegada ao território francês.| Foto: Yoan Valat/EFE

O ciclista alemão Tony Martin venceu nesta terça-feira (7) a quarta etapa da Volta da França (Tour de France) e assumiu a liderança da classificação geral da prova no momento em que ela entra no território francês. Para isso, se aproveitou da adoção de um estilo seguro pelo britânico Chris Froome e seus principais rivais, que evitaram correr riscos nos traiçoeiros trechos com paralelepípedos.

Martin, que estava um segundo atrás de Froome na classificação antes do começo da quarta etapa, escapou do grupo do britânico quando faltavam cerca de três quilômetros para o fim da disputa. Froome e outros competidores o deixaram escapar, confiando que Martin não é um dos candidatos ao título.

O italiano Vincenzo Nibali, atual campeão da Volta da França, encaminhou o seu triunfo no ano passado com um desempenho brilhante nas pedras escorregadias, tentou fustigar Froome, mas não teve sucesso.

A quarta etapa da mais tradicional prova do ciclismo mundial teve um percurso de 223,5 quilômetros entre a cidade belga de Seraing e Cambrai, no norte da França, o que levou a disputa a enfim entrar no território do país.

Dono de uma medalha de prata conquistada na Olimpíada de Londres, em 2012, Tony Martin contou com o trabalho de equipe para cruzar a linha de chegada em primeiro lugar, com um tempo total de 5h28min58. Três segundos depois, vieram mais 34 competidores. O também alemão John Degenkolb foi o segundo colocado, à frente do eslovaco Peter Sagan.

Nesse mesmo segundo, ficaram três dos candidatos ao título da Volta da França: Nibali, o 15º colocado, Froome, o 17º, e o espanhol Alberto Contador, na 19ª colocação.

Na classificação geral, Martin ocupa o primeiro lugar com um tempo total de 12h40min26 e 12 segundos de vantagem para Froome, o vice-líder. Já o norte-americano Tejay van Garderen é o terceiro colocado, a 25 segundos do líder. Por sua vez, Contador está na oitava posição, a 48 segundos de Martin, enquanto Nibali é o 13º, com uma desvantagem de 1min50 para o primeiro colocado.

A camiseta verde, destinada ao ciclista com mais pontos, está com o alemão André Greipel, com 84. O espanhol Joaquim Rodríguez segue sendo o detentor da camisa branca com bolinhas vermelhas, usada pelo melhor montanhista. Já a camiseta branca, dada ao melhor jovem, continua com o eslovaco Peter Sagan.

A Volta da França prossegue nesta quarta-feira com a realização da quinta etapa. A disputa será em um trecho plano de 189,5 quilômetros entre Arras Communauté Urbaine e Amiens Metrópole.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]