A Portuguesa conquistou sua sétima vitória na Série B do Campeonato Brasileiro, nesta noite no Canindé. A equipe passou pelo Atlético-GO por 2 a 1, terminou a rodada com 20 pontos na vice-liderança da competição, seis a menos do que o Guarani. O grande destaque da partida foi o atacante Heverton que marcou os dois gols da Lusa e ainda quase fez outro num belo lance de bicicleta no segundo tempo. Os goianos também estão com a mesma pontuação.

O próximo jogo da Portuguesa será contra o Ceará, às 21h, de sexta-feira, fora de casa. Já a equipe do Atlético-GO recebe o Fortaleza, às 16h10m, de sábado.

Apoiado pela torcida, o time da Portuguesa começou melhor. A Lusa dominou os primeiros 15 minutos e quase abriu o placar aos 18. Fellype Gabriel tocou de cabeça para Heverton que bateu forte para a grande defesa do goleiro Márcio. Aos 23 minutos, Heverton abriu o placar. Marco Antônio cruzou, a zaga rebateu e o meia pegou de primeira para fezer um golaço no Canindé. Mesmo com o gol sofrido, o time de Goiânia não se abateu e continuava buscando o gol. Porém, era a Portuguesa que chegava com mais perigo.

O melhor lance do Atlético-GO ocorreu aos 45. Chiquinho avançou pela esquerda, driblou o zagueiro e chutou forte. A bola passou muito perto do travessão do goleiro da Lusa assustando a torcida.

Atlético-GO tem gol anulado no início do segundo tempo

O Atlético-GO voltou para o segundo tempo disposto a reverter o resultado e teve um gol anulado aos seis minutos. Brazão pegou o rebote do goleiro e colocou para o fundo das redes, mas o bandeirinha marca impedimento. A Portuguesa respondeu sete minutos depois. Heverton recebeu um cruzamento pela direita e tentou de bicicleta, mas o goleiro Márcio salvou mais uma vez fazendo uma grande defesa.

O atacante era o destaque do time e mostrou mais uma vez oportunismo aos 17. Depois de um cruzamento perfeito de Igor, ele se antecipou aos zagueiros e aumentou para a Portuguesa. O lance agitou a torcida que cobrava mais objetividade do time.

Aos 30, Edno recebeu bom passe de Fellype Gabryel e devolveu para o meia, mas a zaga afastou o perigo. Sete minutos depois o Atlético-GO diminuiu. Marcão aproveitou uma bobeira da zaga e marcou. A Lusa sofreu muito até o apito final. No último lance de jogo, o goleiro Márcio cobrou uma falta, a bola rebateu na barreira e sobrou para Marcão que chutou na trave. No rebote, a zaga da Portuguesa conseguiu afastar o lance e definiu o placar.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]