| Michael Dalder/Reuters
| Foto: Michael Dalder/Reuters

Na despedida da natação dos Jogos de Londres, ontem, a holandesa Ranomi Kromowidjojo (foto) garantiu o ouro na prova mais veloz do programa olímpico. Dois dias após vencer os 100 m livre, ela cravou o recorde olímpico nos 50 m livre, com 24s05. A medalha de prata foi para a bielorrussa Aliaksandra Herasimenia, seguida pela também holandesa Marleen Veldhuis.

O revezamento feminino 4x100 m medley deu mais um ouro para os Estados Unidos, com direito a quebra de recorde mundial (3m52s05). A prata foi para a Austrália e o bronze para o Japão.

Na prova mais longa das piscinas, os 1.500 m livre, Sun Yang bateu o recorde mundial, com o tempo de 14m31s02. O ouro aumentou a galeria do chinês em Londres, onde assegurou ainda outro ouro, uma prata e um bronze. O canadense Ryan Cochrane ficou em segundo e Oussama Mellouli, da Tunísia, levou o bronze.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]