Denny Mews, CEO da CargOn.
Denny Mews, CEO da CargOn.| Foto: Divulgação

A CargOn, "logtech" curitibana, anunciou nesta sexta-feira (21) o recebimento de um aporte no valor de R$ 2,5 milhões. O investimento foi liderado pela Viasoft, desenvolvedora de software para indústria e varejo. Esta é a terceira rodada captada pela startup especializada em logística, que atinge valor de mercado de R$ 17,5 milhões.

Segundo Denny Mews, CEO da CargOn, o investimento deve ser destinado a melhorias nas áreas de tecnologia e marketing. “Também queremos alavancar nossa ferramenta de fidelidade que trará muitos benefícios para os motoristas e parceiros da startup”, explica.

Fundada em março de 2020, a CargOn atua no gerenciamento de cargas entre indústrias e transportadoras, desde a contratação, escolha de trechos e monitoramento de caminhões. A logtech já movimentou mais de R$ 600 milhões em fretes desde sua fundação.