EBANX e VTEX fecham parceria para pagamentos cross-border na América Latina
EBANX e VTEX fecham parceria para pagamentos cross-border na América Latina| Foto: Divulgação

O EBANX, fintech de pagamentos com presença global, e a VTEX, plataforma de comércio digital para grandes empresas e varejistas, anunciaram, durante o VTEX Day nesta terça-feira (12), uma parceria inédita voltada para pagamentos cross-border para e-commerces brasileiros na América Latina. Por meio desta união, companhias brasileiras poderão usufruir de mais de 100 métodos de pagamentos em 15 países da América do Sul e Central.

De acordo com o estudo Beyond Borders, em 2021, 68% dos consumidores latino-americanos já eram usuários de e-commerce – um índice muito acima dos 45% dos anos pré-pandêmicos. Com isso, estima-se que nos últimos dois anos mais de 150 milhões de latino-americanos compraram online pela primeira vez, fato que ajuda a entender como o mercado digital da América Latina deve crescer 30% ao ano até 2025, uma aceleração comparável apenas à dos mercados asiáticos, de acordo com o estudo.

"Estamos muito felizes com esse anúncio com um parceiro tão importante quanto a VTEX, que compartilha conosco a visão de eficiência e agilidade na hora de prover acesso e tecnologia de ponta. O mercado cross-border na América Latina movimentará cerca de US$ 45 bilhões em 2022, segundo dados da pesquisa Beyond Borders, e é hora de os grandes players brasileiros aproveitarem essa oportunidade para expandir seus negócios", disse Paula Bellizia, Presidente de Pagamentos Globais do EBANX, em nota.

Em 2021, o EBANX cresceu mais de 110% em volume processado e com a chegada de Paula Bellizia como presidente fortalece ainda mais o foco na expansão internacional e diversificação de portfólio e parcerias. Hoje, a companhia tem operações em 15 países, times em mais de 10, mais de 1,7 mil ebankers, de mais de 20 nacionalidades. Oferece mais de 100 métodos de pagamento locais da América Latina a mais de mil clientes globais, como SHEIN, Shopee, Spotify e Uber, e a mais de 35 mil merchants no Brasil.