Fundadores da Gupy.
Fundadores da Gupy.| Foto: Divulgação.

A startup de recrutamento digital Gupy captou R$ 40 milhões da Oria Capital, gestora de fundos especializada em tecnologia. Com o aporte, a empresa vai acelerar a digitalização das contratações, em meio à crise do novo coronavírus.

Focada na seleção de candidatos por meio de uma plataforma de inteligência artificial chamada Gaia, a empresa registrou 25% de crescimento em receita no primeiro trimestre deste ano e contabiliza 10 milhões de usuários.  "Temos como propósito tornar a gestão de talentos no Brasil ágil e justa e este investimento vai nos ajudar a oferecer mais ferramentas a um setor que, há anos, demandava por inovação. Viabilizar e impulsionar contratações online é, sem dúvida, um ponto essencial para a retomada da economia do país após a crise" , afirmou Mariana Dias, CEO e fundadora da Gupy.

Segundo Paulo Caputo, sócio da Oria Capital, o avanço que a startup promoveu no setor de recrutamento e seleção justifica o aporte. "Enxergamos na Gupy diferenciais competitivos fortes para conseguir manter a liderança em contratações online e agregar ainda mais para a transformação digital do RH por meio de uma tecnologia robusta e um nível de serviço capaz de criar um alto valor agregado para os seus clientes."