Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Tiago Dalvi, fundador da curitibana Olist.
Tiago Dalvi, fundador da curitibana Olist.| Foto: Divulgação/Olist

A Olist, startup curitibana que promove a digitalização de pequenos lojistas, anunciou nesta quinta-feira (15) o recebimento de um novo investimento no valor de R$ 144 milhões. O aporte é complementar ao cheque de R$ 310 milhões captado em novembro de 2020. Ao todo, em quatro meses a startup recebeu R$ 454 milhões.

O investimento aproxima a Olist do título de unicórnio — empresa avaliada em mais de US$ 1 bilhão de dólares — já que a curitibana foi cotada pelo levantamento da empresa de inovação aberta Distrito a alcançar o valuation em 2021.

Diferente do aporte principal, liderado pela multinacional japonesa SoftBank, o investimento anunciado nesta quinta foi liderado pelo fundo Goldman Sachs Asset Management. A Redpoint eventures, investidora desde 2015, também participou da rodada. O montante deve ser direcionado para aquisições e internacionalização.

Adquirir startups é uma das estratégia da Olist, marcada desde o investimento de 2020 com a aquisição da ClickSpace, especialista na gestão de marketplaces, e da Pax Logística, foi o que destacou Tiago Dalvi, fundador e CEO da Olist, em entrevista exclusiva concedida ao GazzConecta em novembro.

"Não abrimos as empresas, mas alguns setores nos interessam muito, como o e-commerce, logística e pagamentos. Estamos analisando muitas empresas que tenham afinidade com a nossa missão e que podem fazer parte do nosso ecossistema", conta.

Os investimentos já têm impulsionado o crescimento da startup e um dos reflexos é no faturamento, que triplicou no primeiro trimestre de 2021, em comparação ao mesmo período do ano anterior.

A Olist conecta pequenos empresários e seus clientes, através de anúncios em grandes marketplaces. O empresário também pode utilizar ferramentas de gestão de vendas e entregas na plataforma ofertada pela startup. A empresa já digitalizou 200 mil lojas e conta com 500 funcionários.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]