Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
O sistema ofertado pela Quanto integra diversas soluções bancárias em um único sistema.
O sistema ofertado pela Quanto integra diversas soluções bancárias em um único sistema.| Foto: Divulgação/Quanto

Uma das primeiras startups a oferecer plataformas de open banking no Brasil, a fintech Quanto recebeu US$ 15 milhões em uma nova rodada de investimentos liderada pelos bancos Bradesco, através do fundo Inovabra Ventures, e Itaú Unibanco. O aporte, divulgado nesta quarta-feira (15), também contou com a participação dos fundos Kaszek Ventures e Coatue. Com o investimento a empresa pretende acelerar contratações e expandir parcerias.

A Quanto oferece uma interface integrada com diversas instituições financeiras, reunindo produtos de diversos bancos e fintechs em uma só plataforma. A solução reduz o tempo e o custo, já que, no formato open banking, os dados pertencem a cada cliente. Através da tecnologia, o consumidor tem o controle sobre as suas informações financeiras através de um site ou aplicativo, permitindo que contratem e manipulem serviços de qualquer instituição.

Para Ricardo Taveira, CEO da Quanto, o aporte liderado por dois dos maiores bancos do país mostra a força do open banking no Brasil. "O open banking representa uma mudança na maneira como entendemos e consumimos serviços financeiros. É animador ver o mercado brasileiro abraçar esse movimento de maneira tão positiva. Temos no Brasil o potencial de liderar o uso de open banking no mundo e essa rodada é prova disso", enfatiza Taveira.

Ricardo Taveira, CEO da Quanto.
Ricardo Taveira, CEO da Quanto.| Tiago Queiroz/Quanto

O sistema financeiro aberto deve ser implantado no Brasil até outubro de 2021, seguindo também as diretrizes da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e aprovação do Banco Central.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]