Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Take Blip capta US$ 70 milhões e mira expansão internacional
Take Blip capta US$ 70 milhões e mira expansão internacional| Foto: Magê Monteiro

A Take Blip, plataforma em nuvem de business messaging que desenvolve aplicativos conversacionais para criar interações entre marcas e consumidores, anunciou nesta terça-feira (7) uma captação de US$ 70 milhões em rodada série B do Warburg Pincus, fundo global de private equity.

Fundada em 1999 pelos sócios Roberto Oliveira, Daniel Costa, Antônio Oliveira, Marcelo Oliveira e Sérgio Passos, a Take Blip conta com mais de 1,3 mil funcionários e aproximadamente 3 mil clientes. Em 2020, a empresa mineira recebeu um aporte Série A de U$S 100 milhões também do Warburg Pincus.

No Brasil, a empresa atende nomes como Itaú Unibanco, Coca-Cola, Fiat, Claro, Nestlé, Hermes Pardini, BMG, Safra, PagSeguro, Empiricus e outros. Em âmbito global, trabalha com marcas como Dell, General Motors, Hotmart, Mercado Pago, Via Laser Serviços, XP Investimentos e outras companhias.

“Take Blip é essencial para as marcas que desejam conversar com seus clientes com uma abordagem de IA em primeiro lugar. O que nos diferencia é nossa arquitetura de software que elimina silos de dados e armazena todas as interações entre marcas e consumidores em um único lugar, unificando toda a jornada do cliente, do marketing ao atendimento pós venda. Em seguida, usando os melhores mecanismos de IA, permitimos que as marcas analisem os dados e prevejam qual seria a melhor próxima interação com esse cliente individual. Essa estratégia melhora a experiência do usuário e acelera o roadmap de produto do nosso cliente”, explica Roberto Oliveira, CEO e cofundador de Take Blip, em nota.

A Take Blip possui clientes em mais de 25 países e mais de 223 mil contatos inteligentes já foram criados na plataforma nos últimos 12 meses. O novo investimento será utilizado para acelerar a expansão internacional da empresa e focar no suporte à sua equipe, cultura, evolução de produtos, clientes e aquisições.

“Estamos focando principalmente nos mercados norte-americano e latino-americano. Nosso produto é global por natureza e tem sido usado por muitas empresas em muitas geografias diferentes, pois se encaixa em canais de conversação usados em todo o mundo, como WhatsApp, Instagram, Facebook Messenger, Google Business Messages, Google RCS, Google Assistant e Apple Messages for Business”, finaliza Roberto.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]