Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Igreja de Válega, também conhecida como Igreja de Nossa Senhora do Amparo, é um dos exemplares mais representativos do uso do azulejo com fim puramente estético. Foto: Wikipedia/Reprodução
Igreja de Válega, também conhecida como Igreja de Nossa Senhora do Amparo, é um dos exemplares mais representativos do uso do azulejo com fim puramente estético. Foto: Wikipedia/Reprodução| Foto:

Considerada mundialmente como um museu de azulejo a céu aberto, a pequena cidade portuguesa de Ovar, em Aveiro, anunciou recentemente que irá restaurar as fachadas azulejadas de seus principais edifícios.

A novidade é que este ano as obras de restauro poderão ser acompanhadas de perto por turistas em visitas guiadas. As explicações vão abordar principalmente a história e aspectos técnicos do elemento arquitetônico.

A cidade é reconhecida por abrigar uma grande variedade de azulejos, com diferentes padrões decorativos e cromáticos.

Quem estiver de passagem por Portugal e tiver interesse em participar deve entrar em contato com a administração municipal para agendar a visita, que também está disponível com tradução simultânea em inglês, espanhol e francês.

Os trabalhos de restauro acontecem até o próximo dia 29 e são conduzidos por estudantes da Escola das Artes da Católica Porto.

LEIA TAMBÉM

>>> Saiba como e quanto custa instalar um chuveiro a gás em casa

>>> Escritório de arquitetura propõe mudanças para estações-tubo

>>> Veja como é a decoração do navio mais luxuoso do mundo

>>> A reinvenção do azulejo no Brasil

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]