De olho nos prazos: deixe a manutenção da casa em dia

Pintura, instalação elétrica e hidráulica são alguns dos cuidados para manter seu imóvel em ordem

Crédito das imagens: Freeimages.com.

por Eloá Cruz

30/07/2015

compartilhe

A estrutura da casa, principalmente quando se trata de instalações elétricas e hidráulicas, não é vitalícia. Para evitar qualquer dor de cabeça no futuro, é preciso estar atento para não esquecer de fazer as manutenções preventivas. Conversamos com o arquiteto do departamento de design da Balarotti, Brian Lunelli, para saber qual o tempo médio de durabilidade e reparo de cada cuidado com a casa.

runnin-paints-1185881

Pintura

Tempo médio para manutenção: entre 5 e 6 anos

Com o tempo, o sol e a chuva podem desbotar a pintura das paredes, principalmente as que se localizam em ambientes externos. De acordo com Brian Lunelli, o período para manutenção pode até diminuir no caso de paredes com rachaduras e infiltrações. “E no momento de pintar novamente a parede, o local precisa estar bem preparado para garantir melhor durabilidade e acabamento”, esclarece.

water-tap-1473462

Hidráulica

Tempo médio para manutenção: entre 10 e 15 anos

O arquiteto explica que o tempo para a manutenção da instalação hidráulica pode variar. E quanto mais antiga é o sistema da casa, maior a probabilidade de mais reparos. Para evitar grandes problemas, pequenas manutenções preventivas anuais são adequadas. São elas que vão corrigir os danos no sistema como a troca de alguns componentes, reparos na descarga, vazamentos, evitando maiores problemas no resto da tubulação.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Elétrica

Tempo médio para manutenção: 20 anos

Assim como a parte hidráulica, a manutenção preventiva anual e os reparos pequenos no sistema elétrico podem garantir maior durabilidade e segurança nas instalações. De acordo com o arquiteto, tomadas com muita descarga de energia, assim como lâmpadas que piscam constantemente e aparelhos elétricos que dão choque podem ser sinais de fuga de energia. “Modelos mais antigos de disjuntores oxidam mais fácil e precisam de maiores reparos”, esclarece o profissional.

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você