Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
HAUS se despede de Jaime Lerner
| Foto: Daniel Castellano/Gazeta do Povo/Arquivo

Para nós aqui em HAUS a última quinta-feira (27) foi um dia muito difícil. Dia de nos despedirmos do mestre Jaime Lerner. Amanhecemos com a notícia de sua morte e o dever do ofício nos chamou para dar as matérias e a cobertura da forma mais completa e bem apurada. Mas não sem estarmos emocionalmente mexidos.

Toda a equipe teve alguma conexão com o Jaime. Na infância, brincando em algum dos parques criados sob a sua batuta ou fazendo estripulias nos antigos brinquedos de madeira reaproveitada. Quem também se lembra? No mundo adulto, em entrevistas, cobrindo palestras, debruçando-se sobre os inúmeros projetos que nos empenhamos em traduzir para o grande público, sempre nos impressionando com as soluções arquitetônicas e principalmente urbanísticas para as mais diferentes cidades no Brasil e fora dele. Não à toa é considerado um dos mais importantes urbanistas do mundo, inspirando projetos em diversos países.

No trato com a reportagem, sempre foi uma fonte generosa e nos fazia admirar ainda mais o quão revolucionária é a arquitetura (aquela simples e despretensiosa, e por isso genial), que aqui abraçamos como causa, ainda que não sejamos arquitetos.

Luto oficial Jaime Lerner
Lerner trabalhou e compartilhou com o mundo suas ideias e projetos a partir de seu escritório, que também havia sido sua casa, no bairro Cabral, em Curitiba.| Albari Rosa/ Arquivo/ Gazeta do Povo

Por essa relação de tanto tempo e por estarmos sediados em Curitiba -- cidade que respira o urbanismo de Lerner --, há muito, desde o surgimento de HAUS em 2015, vínhamos ensaiando o momento em que Lerner viria a compartilhar conosco suas ideias em textos periódicos em nossas páginas e site. Em 2020, com a criação da Revista PinÓ, que conta com conteúdos de HAUS, finalmente formalizamos essa parceria.

Generoso como sempre, Lerner optou por não assinar a coluna sozinho, mas acompanhado dos que escolheu para levar à frente o seu trabalho. A estreia da coluna Instituto Jaime Lerner recebeu o texto "Cidade é solução: reflexões sobre o impacto da pandemia"e é assinada pelo mestre.

As reflexões deste texto traduzem muito do seu legado, com o olhar para a importância da cidade e o desejo em desenvolver todas as potencialidades desse organismo vivo onde todos estamos inseridos. Para ele, o segredo era descobrir as formas para um espaço urbano compacto, misto, denso, caminhável e com a infraestrutura bem dimensionada. Um local onde o espaço público é compartilhado e onde se pratica os pilares da cidade solidária e sustentável.

Queremos seguir sendo o local que dá voz para essas iniciativas, que reflete, critica, ajuda a pensar. O olhar inovador e simples de Lerner seguirá nos ajudando e seu legado nos inspirando.

Obrigada, mestre!


Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]