Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Projeto no Mar Vermelho da Foster + Partners une luxo e sustentabilidade.
Projeto no Mar Vermelho da Foster + Partners une luxo e sustentabilidade.| Foto: Foster + Partners/Divulgação

O estúdio global de arquitetura sustentável Foster+ Partners, um dos mais renomados no meio, fundado em 1967 pelo arquiteto inglês Norman Foster, foi o responsável pelo projeto de um resort ecológico no Mar Vermelho, na ilha de Shurayrah. O local que vem recebendo diversas iniciativas do chamado "turismo regenerativo".

Siga HAUS no Instagram!

Nesta modalidade de turismo, as atividades e construções são todas pensadas para se mesclarem inteiramente ao ambiente natural e respeitarem o ecossistema da região.

O empreendimento de luxo foi idealizado pelo Príncipe Mohammed bin Salman, presidente da The Red Sea Development Company (TRSDC). De acordo com os arquitetos do Foster + Partners, o resort contará com 11 hotéis na ilha.

Conheça o Portfólio HAUS: vitrine de projetos e gerador de negócios

Ao site ArchDaily, os profissionais envolvidos no projeto, entre eles o chefe de estúdio Gerard Evenden, contaram que a visão para Shurayrah é "inspirada no estado natural da ilha". A impressão que os arquitetos desejam dar ao visitante é que ele tenha a percepção de que o local foi trazido "naturalmente" para as praias, "inseridos entre as dunas quase como troncos trazidos pelo mar".

Outra premissa do escritório é o uso de materiais de baixo impacto ambiental e de baixa massa térmica; os manguezais da região e outros ecossistemas da ilha não sofrerão nenhuma interferência. Além disso, o complexo também será alimentado por energias renováveis, completando a ideia de sustentabilidade.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]