Mostra apresenta viagem no tempo a partir de apartamentos decorados

Em exposição em São Paulo, "Mostra de Arte e Decoração" traz seis estilos de decoração que marcaram os lares brasileiros desde os anos 1940 e os que serão tendência em 2038

por Sharon Abdalla

23/09/2018

compartilhe

Um passeio pela história do morar. Assim pode ser resumida a “Mostra de Arte e Decoração”, em cartaz no Brooklin, em São Paulo, na área que receberá o complexo de O Parque, breve lançamento da Gamaro Incorporadora na capital paulistana.

Ocupando uma área de 1.040 m², a exposição traz sete apartamentos decorados que traduzem as peças de design e estilos de decoração que marcaram os lares brasileiros desde a década de 1940, além de vislumbrar o que podemos esperar para o morar do futuro.

Fotos: Divulgação

“A mostra tem apartamentos físicos com decorações que remetem aos períodos entre os anos 1940 e 1950, de 1960 a 1970, às décadas de 1980 e de 1990, dos anos 2000 a 2009 e outro desta data até os dias atuais. O sétimo, em realidade virtual, traz um entendimento sobre as possibilidades que teremos em 2.038, uma data simbólica que representa um futuro próximo, mas que não é amanhã”, explica o artista plástico Sérgio Gregório, curador da mostra.

>>> 13 salas e ambientes de convivência com decoração funcional para se inspirar

Os apartamentos foram construídos para receber a mostra e carregam as características físicas e estruturais das construções contemporâneas (como dormitórios com suítes e elevadores modernos), o que contribui para destacar o grau de nostalgia dos objetos que compõem a ambientação dos espaços. “A ideia não era a de que a mostra tivesse um aspecto museológico, mas que ela fizesse as pessoas voltarem no tempo e resgatarem suas lembranças”, destaca o curador. 

Pesquisa

Para isso, Sérgio conta que visitou 70 antiquários e galerias de arte, além de ter feito contato com diversos colecionadores, para localizar objetos e mobiliários que remetessem aos períodos contemplados pela exposição. O resultado foi a catalogação de cerca de 1,5 mil peças, que depois foram selecionados para compor os ambientes, assinados pelos arquitetos Carlos Rossi (1940/1950 e 1960/1970), Camila Klein (décadas de 1980 e 1990), e Cristina Barbara (2009/2009 e 2010/2018). O sétimo decorado (2.038) foi desenvolvido pela equipe de arquitetura virtual da incorporadora.

 

Entre elas estão ícones do design nacional, como a poltrona Mole, assinada por Sérgio Rodrigues, e objetos carregados de nostalgia, como baleiros giratórios e telefones de parede dos anos 1940.

>>> Adeus, inverno! 5 dicas para preparar sua casa para a primavera

“Na década de 1950, as peças de [cristal] Murano começaram a vir para o Brasil, e temos 15 delas no apartamento que remete a este período. No apartamento dos anos 1970, temos nove obras de arte produzidas naquele ano”, conta Sérgio. Já no decorado de 2038, a presença dos drones, robôs, carros voadores e florestas verticais estão entre os principais destaques.

A mostra tem entrada franca e está aberta diariamente das 8h às 20h no estande do O Parque (Avenida Roque Petroni Junior, 630, Brooklin – São Paulo).

LEIA TAMBÉM

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você