i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Arquitetura

Projetos paranaenses vencedores de concursos públicos de arquitetura ganharão exposição no MON

  • PorHAUS
  • 19/02/2021 17:54
Edificio Petrobras
Projeto da sede da Petrobras, no Rio de Janeiro, foi feito por equipe de arquitetos com escritório no Paraná.| Foto: Reprodução

Prédios icônicos, como a sede da Petrobras, no Rio de Janeiro, projeto de uma equipe com escritório no Paraná integrada por profissionais como os irmãos Roberto e José Maria Gandolfi, José Sanchotene, entre outros, são algumas das obras brasileiras fruto de concursos públicos de arquitetura. Essas premiações, dos anos 1960 até aqui, serão reunidas em exposição inédita no Museu Oscar Niemeyer (MON), graças a um projeto coordenado pelo arquiteto Fábio Domingos, sócio da Grifo Arquitetura e professor na FAE.

Neste tipo de concurso, realizado por órgãos de governo e eventualmente pela iniciativa privada para grandes obras arquitetônicas, concorrem propostas em licitações vencidas pelo mérito e avaliadas por comissões de especialistas. A prática é adotada no Brasil e em vários países do mundo. A construção de Brasília, por exemplo, é fruto de um concurso, vale lembrar.

Siga a HAUS no Instagram

"As equipes do Paraná se sobressaem nos concursos nacionais e internacionais e, com algumas exceções, pouca gente sabe disso ou conhece os projetos. A ideia é reunir essas premiações e colocar isso em perspectiva, sobre o que faz Curitiba se destacar", diz Domingos.

Monumento à fundação de Goiânia.
Monumento à fundação de Goiânia.

O projeto, viabilizado pelo Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura (Profice), tem coordenação de Domingos, produção de Alexandre Ruiz e pesquisa de Marina Oba. A curadoria ficará a cargo de Elisabete França.

Além dessa narrativa histórica, que iniciará com o começo do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Paraná (UFPR) nos anos 1960, a ideia é trazer também projetos recentes. Um deles da nova base de pesquisa do Brasil na Antártida, do escritório curitibano Estúdio 41, vencedor de um concurso do Instituto Arquitetos do Brasil (IAB).

Por isso, a coordenação da exposição está com uma chamada aberta para manifestação de equipes premiadas em concursos públicos de projeto até o fim de fevereiro de 2021, que podem ser enviadas pelo email contato@concursocomopratica.com.

A exposição será inaugurada em agosto de 2021, no MON.

Conteúdo editado por:Luan Galani
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.