Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Votação aberta para o concurso estudantil de ideias da UTFPR e do Jockey Club do Paraná
| Foto: Arquivo/Letícia Akemi/Gazeta do Povo

O espaço Almeida Prado, que funciona como o principal salão social do Jockey Club do Paraná, no Tarumã, está sendo objeto de um concurso estudantil de ideias promovido pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná e pelo Jockey Club do Paraná. O intuito é escolher uma nova ideia de projeto de arquitetura de interiores para o salão social, pensada por estudantes de Arquitetura e Urbanismo da universidade dentro da disciplina de Arquitetura de Interiores, com supervisão da arquiteta e professora Giceli Portela.

Siga HAUS no Instagram

Não necessariamente a ideia vencedora será executada, mas ficará à disposição do Jockey. "Propusemos como uma ação motivadora das aulas presenciais que exercitássemos o tema da arquitetura de interiores em uma situação real, conquistando com isso a motivação da turma", explica a arquiteta.

| Arquivo/Letícia Akemi/Gazeta do Povo

O concurso estudantil terá duas categorias. Uma de voto popular e outra por meio da avaliação de um júri técnico.

Os projetos podem ser vistos no feed do Instagram da conta @premioarqutfpr. Ao todo são 7 grupos que receberam os nomes de cavalos do Jockey e tiveram os nomes dos alunos ocultados. Você pode votar no seu projeto favorito neste link. Os grupos são: Cambridge, Dondoca Galileo, Pater, Queen Forestry, Blade Runner, Controlada de cima e El Chubasco.

| Letícia Akemi/Arquivo/Gazeta do Povo

HAUS é parceira do concurso e fez a curadoria do júri técnico. São jurados: os designers multipremiados da Furf, Rodrigo Brenner e Mauricio Noronha; o arquiteto e cenógrafo Felipe Guerra, sócio do Jaime Lerner Arquitetos Associados; o arquiteto Rodolfo Fontana, com passagem por institutos renomados na França e nos Estados Unidos; o arquiteto Guilherme de Macedo, diretor executivo do Lona Group e idealizador do grupo Prédios de Curitiba; a jornalista e designer Sharon Abdalla, que está à frente da edição de HAUS e que foi uma das premiadas no 1º Prêmio Adriana Adam de Design; o arquiteto Claudio Forte Maiolino, um dos principais nomes do estado do Paraná quando o tema é restauro e patrimônio, e atual arquiteto do Jockey Club do Paraná; e o engenheiro Roberto Belina, presidente do Jockey Club do Paraná.

Os critérios de avaliação do júri técnico serão conceito, ergonomia, conforto, criatividade e diálogo com o patrimônio. Os resultados das categorias popular e do júri técnico serão anunciados nesta sexta-feira (8), no Jockey, a partir das 13h.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]