Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Cuba Marrakesh, da Kohler, foi inspirada nos mosaicos encontrados nos pátios marroquinos. Foto: Divulgação
Cuba Marrakesh, da Kohler, foi inspirada nos mosaicos encontrados nos pátios marroquinos. Foto: Divulgação| Foto:

Lavar as mãos, cuidar da higiene pessoal. Indispensável em banheiros e lavabos, a cuba tem na funcionalidade uma de suas principais características. Isso não significa o abandono do apelo estético. Pelo contrário! Cada vez mais as marcas de louças investem em peças com assinatura de design ou que trazem uma proposta mais colorida, inspirada no artesanal, para elas, assim como fazem ateliês e ceramistas por todo o país.

Siga a HAUS no Instagram!

Isso possibilita que a peça assuma o protagonismo em diversos projetos que fazem da aposta nela uma forma de trazer mais ousadia para as áreas úmidas.

Cuba em vidro Briolette, da Kohler, tem forma lapidada inspirada nas pedras preciosas. Foto: Divulgação
Cuba em vidro Briolette, da Kohler, tem forma lapidada inspirada nas pedras preciosas. Foto: Divulgação

"São opções diferentes [às convencionais], que unem a função à decoração. Antes era mais difícil [encontrar] um metal com acabamento que combinasse com uma cuba [com esta proposta]. Hoje, há muita facilidade em relação a isso, o que contribui para a escolha de uma cuba diferenciada", aponta a arquiteta Michele Krauspenhar.

Antes de fazê-la, no entanto, é preciso prestar atenção à rotina de uso da peça para ver se ela corresponde ao formato, textura ou material escolhido. Isso porque as dimensões dela podem ser pequenas para se lavar o rosto com conforto e sem tantos respingos, quando mal dimensionada, ou o desenho da peça pode contribuir para o acúmulo de resíduos de creme dental ou de maquiagem em suas paredes, especialmente quando se fala dos modelos esculpidos, por exemplo, como lembra a arquiteta.

Cuba do ateliê Daniele Drummond especificada em projeto de lavabo assinado pelo arquiteto Felipe do Vale. Foto: Reprodução/Instagram
Cuba do ateliê Daniele Drummond especificada em projeto de lavabo assinado pelo arquiteto Felipe do Vale. Foto: Reprodução/Instagram

"Em geral, as peças costumam ser mais utilizadas em lavabos e áreas gourmets", aponta a artista plástica Daniele Drummond, que há quase 20 anos trabalha com peças em cerâmica, tendo as cubas como carro-chefe do ateliê. As peças são ofertadas em formatos diversos, com impressões de rendas, folhas e em diferentes cores, todas vitrificadas.

Cuba em cerâmica vitrificada moldada à mão pelo ateliê Daniele Drummond. Foto: Divulgação
Cuba em cerâmica vitrificada moldada à mão pelo ateliê Daniele Drummond. Foto: Divulgação

"Ela é uma obra de arte", resume a artista plástica. "Os lavabos normalmente são espaços com área restrita, [onde se deve] escolher o que se quer que chame mais a atenção. A cuba seria o protagonista deste espaço", finaliza Michele.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]