PUBLICIDADE

Decoração rústica está em alta, saiba como incluir elementos em sua casa

Uso de diferentes tons de madeira e contraste entre branco e preto criam o efeito de casa de campo moderna. Confira as inspirações para trazer o estilo aos poucos

Sala assinada por Luciana Olesko e Maria Fernanda Lorusso. O espaço traz sensação de aconcheço graças ao uso de madeira. Foto: Marcelo Stammer/Divulgação

Sala assinada por Luciana Olesko e Maria Fernanda Lorusso. O espaço traz sensação de aconcheço graças ao uso de madeira. Foto: Marcelo Stammer/Divulgação

por HAUS

05/04/2017

A decoração rústica está voltando. Mas não pense que ela significa algo desajeitado ou repleto de informação. Com poucos destaques no cômodo já é possível recriar um ambiente de casa de campo, com muito aconchego e requinte.

Pesquisa feita pela empresa de janelas e persianas  Next Day Blinds apontou que um terço dos entrevistados interessavam-se por ambientes mais acolhedores em suas casas. Esse comportamento demonstra um retorno para um estilo onde a tonalidade de madeira e os tecidos aconchegantes imperem.

Além da madeira em várias tonalidades e acabamentos, é possível mesclar referências industriais ou modernas, criando o estilo chamado “modern farmhouse”, ou casa de fazenda moderna, em tradução livre. O contraste entre cores simples, como branco e preto, ou o uso de mobiliário de linhas simples são algumas das dicas para mudar a decoração aos poucos.

Vale lembrar também que, independentemente de ser uma casa de campo ou não, o estilo rústico usa e abusa da vegetação. Plantas pequenas e flores como hortências trazem aquele toque de simplicidade e refinamento.

Veja nossas inspirações para decoração rústica

Casa da década de 1970 no bairro de Moema, em São Paulo, ganhou ainda mais charme depois de reforma conduzida pelo escritório Tria Arquitetura, com mescla de estilos rústico, clássico e contemporâneo. Foto: Julia Ribeiro/Divulgação

Casa da década de 1970 no bairro de Moema, em São Paulo, ganhou ainda mais charme depois de reforma conduzida pelo escritório Tria Arquitetura, com mescla de estilos rústico, clássico e contemporâneo. Foto: Julia Ribeiro/Divulgação

Sala assinada por Luciana Olesko e Maria Fernanda Lorusso. O espaço traz sensação de aconchego graças ao uso de madeira. Foto: Marcelo Stammer/Divulgação

Sala assinada por Luciana Olesko e Maria Fernanda Lorusso. O espaço traz sensação de aconchego graças ao uso de madeira. Foto: Marcelo Stammer/Divulgação

A paleta de cores do projeto de Barbara Becker é bem neutra, oscilando do branco ao concreto aparente, com algumas intervenções em tons mais fortes e deixando a evidência para a madeira do mobiliário e a cerâmica de alguns revestimentos. Foto: Estudiograma/Divulgação

A paleta de cores do projeto de Barbara Becker é bem neutra, oscilando do branco ao concreto aparente, com algumas intervenções em tons mais fortes e deixando a evidência para a madeira do mobiliário e a cerâmica de alguns revestimentos. Foto: Estudiograma/Divulgação

Projeto de reforma das arquitetas Soraya Surdi e Ligia Rosalinski para casa em Morretes emprega vasto uso de madeira. Foto: Marcelo Stammer/Divulgação

Projeto de reforma das arquitetas Soraya Surdi e Ligia Rosalinski para casa em Morretes emprega vasto uso de madeira. Foto: Marcelo Stammer/Divulgação

O tom de verde desta porta colabora com o ar rústico e natural que permeia todo este projeto de Romy Schneider, localizado em Morretes. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo

O tom de verde desta porta colabora com o ar rústico e natural que permeia todo este projeto de Romy Schneider, localizado em Morretes. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo

Projeto em apartamento de Nova York, do arquiteto norte-americano Andrew Franz, trabalha com dois tipos diferentes de madeira no piso e no teto. Com o tom mais escuro na parte de cima, tem-se a impressão de um pé direito menor e, portanto, mais intimista. Foto: Andrew Franz Architect/Reprodução

Projeto em apartamento de Nova York, do arquiteto norte-americano Andrew Franz, trabalha com dois tipos diferentes de madeira no piso e no teto. Com o tom mais escuro na parte de cima, tem-se a impressão de um pé direito menor e, portanto, mais intimista. Foto: Andrew Franz Architect/Reprodução

O uso de cores, a iluminação e a mistura de materiais criam a atmosfera intimista e rústica neste quarto projetado por Ana Sikorski e Katia Azevedo. Foto: Letícia Akemi/Gazeta do Povo

O uso de cores, a iluminação e a mistura de materiais criam a atmosfera intimista e rústica neste quarto projetado por Ana Sikorski e Katia Azevedo. Foto: Letícia Akemi/Gazeta do Povo

Projeto de Sabrina Becker utiliza contraste entre tons escuros e claros para criar uma atmosfera aconchegante. Foto: Ronald T. Pimentel/Divugação

Projeto de Sabrina Becker utiliza contraste entre tons escuros e claros para criar uma atmosfera aconchegante. Foto: Ronald T. Pimentel/Divugação

LEIA TAMBÉM

Organize a casa: veja 35 coisas para jogar fora ou doar já!

Decoração de apartamento acerta em clima jovial com pitadas de cor

Pequenos detalhes vão deixar sua casa pronta para o frio

PUBLICIDADE