i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

O novo design escandinavo é diferente de tudo que você conhece: cores vivas e proporções esticadas

  • PorLuciane Belin*
  • 05/02/2020 04:21
Coleção 2020 do coletivo Fogia traz peças inspiradas na essência da estética punk. Peças estão entre as exibidas durante a Feira de Estocolmo neste ano. Foto: Divulgação
Coleção 2020 do coletivo Fogia traz peças inspiradas na essência da estética punk. Peças estão entre as exibidas durante a Feira de Estocolmo neste ano. Foto: Divulgação| Foto:

Durante esta semana, a capital nacional da Suécia estará tomada pelo design, com mais de 400 eventos e ações relacionados ao setor. É a Feira de Estocolmo de Mobiliário e Iluminação, evento já tradicional de divulgação de produtos e tendências escandinavas para a decoração. A feira acontece de terça-feira (04) a sábado (08).

Além de premiar os destaques em produto, projeto, sustentabilidade e clássicos, entre outras categorias, o evento revela no que estão trabalhando marcas já consagradas dos países da região escandinava.

Veja o que esperar desta edição da Feira de Estocolmo!

Greenhouse

O estúdio de arte e design Wand & Söderström é um dos expositores do Greenhouse em 2020. Foto: Mishael Phillip
O estúdio de arte e design Wand & Söderström é um dos expositores do Greenhouse em 2020. Foto: Mishael Phillip

Embora o nome possa sugerir algo relacionado a sustentabilidade, a Greenhouse é, na verdade, o setor da Feira de Estocolmo voltado para a inovação. Considerado um espaço livre e aberto a novas ideias, a Greenhouse é onde, nos últimos anos, alguns dos principais nomes da profissão debutaram internacionalmente.

Nesta edição, 30 escolas de design exibirão protótipos de produtos e tecnologias, dividindo espaço com 33 estúdios e designers independentes, entre os quais estão nomes premiados como o Envee, criador de um dos produtos premiados com o Red Dot Design Concept em 2017, e o Ming Design Studio, diversas vezes homenageado no iF Design e no Red Dot.

Convidado de honra

Foto: Jonas Lindstrom
Foto: Jonas Lindstrom

Um dos grandes destaques da edição atual do evento escandinavo é o convidado de honra, um estúdio de design que na verdade tem base em Londres, o Doshi Levien. Fundado por Nipa Doshi e Jonathan Levien, o estúdio se destaca pela visualidade trazida por Laura, unida à precisão industrial de Jonathan, gerando peças reconhecida pelas harmonização de cores, formas e materiais únicas.

Com coleções e peças assinadas para marcas como a Moroso, a Kvadrat, a B&B Italia e a Kettal, a dupla leva neste ano para a feira algumas de suas peças mais clássicas, bem como a mais recente coleção, lançada em 2019, a Earth to Sky.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Tendências da decoração e mobiliário

Quem acompanhou as duas primeiras feiras de decoração já sabe em parte o que esperar dos principais eventos do setor neste ano. A Feira de Estocolmo reforça algumas tendências do mobiliário que já foram vistas em janeiro na Maison & Objet e na Imm Cologne.

O que Estocolmo agrega nesta conta é a maneira pela qual os designers escandinavos estão olhando para o mobiliário a partir das tendências que já vêm se consolidando.

O Bar de Design, assinado pelo designer Fredrik Paulsen, é um dos destaques do evento. Foto: Jonas Lindstrom
O Bar de Design, assinado pelo designer Fredrik Paulsen, é um dos destaques do evento. Foto: Jonas Lindstrom

No mobiliário, linhas nítidas, conforto máximo, proporções esticadas e treliças de grandes dimensões são algumas das características que aparecem para desafiar as percepções convencionais do design sueco. Em coleções de marcas como a Fogia, essas tendências são especialmente evidentes.

Os eventos já deixaram claro também que as cores serão protagonistas na decoração neste ano. Cores fortes, harmonização de tonalidades complementares, mas também em contrastes, em tons candy color, mas sempre com muita vivacidade, marcam presença em projetos com o do Bar de Design, assinado pelo designer pouco ortodoxo Fredrik Paulsen.

Foto: Jonas Lindstrom
Foto: Jonas Lindstrom

Faça-se a luz!

Fugir do convencional na hora de emoldurar a luz que chega aos ambientes é o fio condutor desta edição da Feira de Estocolmo. Inovar nas formas, nos materiais e nas possibilidades de composição parecem ser o norte das marcas, com peças como a Haze, do designer Samuel WIlkinson, para finlandesa DecoLight. Trata-se de uma interpretação moderna de uma lanterna oriental, em que a madeira e a malha 3D personalizada se encontram.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Já as linhas apresentadas pela da NUD Collection buscam na sustentabilidade, na possibilidade de customização e na diversidade de formas os conceitos chave para as peças apresentadas durante a semana.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Contudo, algumas das raízes do design escandinavo não foram completamente esquecidas. A inspiração industrial, de uma forma quase rústica, continua forte em peças como as levadas pela Halo Design, do dinamarquês Michael Waltersdorff.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Mais do que nunca, a iluminação está unindo o rústico industrial com o modular, de forma a garantir composições únicas à funcionalidade que a luz tem nos ambientes, tanto residenciais quanto profissionais.

*Especial para HAUS.

LEIA TAMBÉM

Feira de Colônia adianta tendências 2020: cores vivas, padrões discretos e muita madeira

Detalhes em ouro e outras 3 tendências de decoração da maior feira de design de Paris

Práticos e sem emendas, pisos monolíticos são queridinhos entre os revestimentos

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.