0

No dia das mães, arquiteta e designer mostram os quartos que fizeram para seus filhos

Praticamente toda mãe tem o desejo de poder montar o quarto do filho. Imagine então quando ela é arquiteta ou designer de interiores

dia das mães-quartos infantis-decoração-arquitetas-designers

Renata McCartney e Mariana Stockler tiveram a missão de criar o quarto dos filhos.

por Priscila Bueno*

07/05/2016

compartilhe

Um dos sonhos das mamães desde a gravidez é criar o quarto do filho. Quem nunca pensou nas cores ou até temas do ambiente dedicado ao pequenino ou pequenina que vai nascer? E quando a mãe é arquiteta ou designer de interiores, a responsabilidade é dupla. Mas, segundo elas, é também um acréscimo de conhecimento. Depois de serem mães, elas souberam ainda mais sobre a importância de guardadores de brinquedos na altura das crianças — para incentivar a organização desde cedo — e de luzes reguláveis para ajudar na hora de fazê-los dormir. Confira a história de duas dessas profissionais que aliaram a arquitetura à maternidade.

LEIA MAIS

>>> Mães arquitetas e designers para seguir no Instagram

>>> Monte um quarto divertido para as crianças

>>> Organize o quarto dos pequenos

 

Mariana Stockler

dia das mães-quartos infantis-crianças-arquitetas-designers

O quarto projetado por Mariana para Leonardo teve como tema os piratas e o fundo do mar. Foto: divulgação

 

dia das mães-quarto infantil-decoração-arquiteta-designer

Mariana brinca com seu filho Leonardo no quartinho projetado por ela. Foto: divulgação

A arquiteta já fez dois quartos para o filho Leonardo, de dois anos, pois mora há um ano em uma nova casa. O primeiro era de bebê mesmo, com berço, em tons claros e muito aconchegante. Agora que ele interage mais, ela privilegiou o lado lúdico no espaço com 12 metros quadrados. Com o tema piratas, há bichinhos do fundo do mar, uma mesa baixa para ele brincar e cordinhas para impedir que ele caia da caminha. “Antes, eu sabia dessa preocupação com a segurança, mas agora que fui mãe, essa preocupação é bem maior”, conta. Um item que ela aprendeu na prática que vale a pena são os pontinhos de LED no teto. “Eu modulo as luzes para mais fracas quando ele quer dormir”, explica. Outra coisa que ela passou a dar mais atenção depois da maternidade foi o tamanho do trocador.

 

Renata McCartney

dia das mães-quarto infantil-crianças-arquiteta-designer

O quarto do pequeno Oliver também segue a linha mais lúdica. Foto: Jorge Bacellar/ Divulgação

 

dia das mães-quarto infantil-decoração-arquitetura-designer

Oliver, no colo de Renata, ganhou um quarto estimulante. Foto: Jorge Bacellar/ Divulgação

A designer de interiores optou por não se dedicar a um tema exclusivo para o quarto de Oliver, de 5 anos. “Como trabalho com acessórios para casa mais moderninhos, escolhi itens que têm a ver com o meu trabalho”, explica. Um exemplo são as gavetas de imbuia que ela usou penduradas nas paredes como nichos. Uma dica que ela dá são os adesivos para colar nas paredes, que permitem a troca assim que a criança cansar. Depois que foi mãe ela comenta que se sente ainda mais estimulada a criar quartos para crianças e adolescentes. “É o mundinho deles. Não precisa ser luxuoso, mas tem de ser criativo e estimulante”, diz. Ela lembra que o elemento diversão deve estar sempre presente. “No quarto dele há um cabideiro com fantasias e máscaras à mão”, diz. Há também sacos e baús na altura dele para que Oliver mesmo guarde suas coisas.

* especial para a Gazeta do Povo

8 recomendações para você