Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Gourmet Raízes by EVIVVA, assinado por Claudia Pimentel Bueno e Raíssa Bueno Ribeiro.
Gourmet Raízes by EVIVVA, assinado por Claudia Pimentel Bueno e Raíssa Bueno Ribeiro.| Foto: Eduardo Macarios

Qual a lição da CasaCor Paraná deste ano? A maior e mais tradicional mostra de decoração do estado – com 39 ambientes assinados pelos principais nomes da arquitetura, design de interiores e paisagismo – já terminou, mas deixa alguns ensinamentos do que é e o que será tendência na próxima temporada.

A exibição aconteceu de 5 de setembro a 17 de outubro nos 6 mil m² do antigo Aquacenter Batel, um famoso centro poliesportivo na Rua Álvaro Alvim, 91. Confira algumas das tendências da arquitetura de interiores “decretadas” pela CasaCor PR 2021!

Siga a HAUS no Instagram

Plenitude das formas

ROTTAS Prime Lounge, por Nicolle Nogueira e Katherine Heim Weber.
ROTTAS Prime Lounge, por Nicolle Nogueira e Katherine Heim Weber.| Eduardo Macarios
CasaCor Paraná
Studio Tech SEBRAE, com assinatura de Luiz Maingué.| Eduardo Macarios

As configurações arredondadas vieram para ficar. Aparecem de forma unânime em todo o mobiliário: sofás, cadeiras, poltronas, banquinhos, camas ou cabeceiras. São mais agradáveis ao toque e ao olhar, representando plenitude e, ao sentar, abraçando verdadeiramente os usuários. Tal é a paixão pelas formas orgânicas que elas também aparecem em paredes e painéis curvos.

Muxarabi

Ambiente Refúgio Urbano, por Ninha Chiozzini.
Ambiente Refúgio Urbano, por Ninha Chiozzini.| Eduardo Macarios

Pai do cobogó brasileiro, o muxarabi é um elemento clássico da arquitetura árabe. No idioma de origem, Mashrabiya é uma espécie de treliça de madeira que serve de fechamento para portas, janelas, paredes ou balcões, favorecendo a ventilação e a iluminação naturais, ao mesmo tempo em que bloqueia a entrada de calor e garante privacidade aos moradores. Na mostra paranaense, o elemento decorativo apareceu muitas vezes para dar textura às superfícies, principalmente o teto, as paredes e as divisórias de ambientes.

Luz e sombra

CasaCor Paraná
Loft Lobo Guará, por Renan Mutao, Bianca Moraes e Ary Polis Jacobs.| Eduardo Macarios

A luz é um dos elementos decisivos para o sucesso de um ambiente. E na CasaCor PR 2021 ela foi um dos itens mais valorizados. Muita luz indireta, cenas teatrais, aproveitamento inteligente das sombras e aplicações inusitadas, como fio de LED no piso do box do banheiro, em nichos e armários.

Terrosos

Estar Íntimo DURATEX, assinado por Alessandro Cavalcanti e Ricardo Makhoul.
Estar Íntimo DURATEX, assinado por Alessandro Cavalcanti e Ricardo Makhoul.| Eduardo Macarios

O terracota ou tijolo, o verde floresta, o azul oceano, o amarelo mais fechado ou tons suaves de areia e amarelo trigo são as cores da temporada. Eles se dão muito bem com a natureza, que invade os ambientes internos e conferem uma atmosfera acolhedora, segura e relaxante. Sem falar que vão muito bem com pedras naturais, madeira e fibras naturais de todos os tipos.

Resto Café, assinado por Cynthia Karas.
Resto Café, assinado por Cynthia Karas. | Eduardo Macarios

Texturas

CasaCor Paraná
Loft DECA, por Marcelo Lopes.| Eduardo Macarios

Aquela pureza das superfícies ou dos materiais ficou para trás. Tudo hoje tem textura. E ela cai muito bem. Do puff de lã trançada ao amadeirado ébano listrado, do piso com detalhes únicos aos armários com palhinha brasileira, do texturizado da parede às pedras naturais com veios elegantes. E até mesmo texturas em partes das pedras que seriam descartadas, como as costaneiras. E essa “vibe” menos minimalista acompanha também uma outra tendência que vem agarrada a ela: a mistura de estilos. Lindo e chique é misturar o novo e o velho, linguagens diferentes para um mundo novo.

O mundo é das artes

Palco da Vida, por Givago.
Palco da Vida, por Givago.| Eduardo Macarios
CasaCor Paraná
Lavabos Habitat, assinaod por Mery Barone, Paloma Albuquerque e Luciana Oliveira Wosch.| Eduardo Macarios

Sim, sim. Arquitetura é muita técnica e inteligência para otimizar os espaços com sabedoria. Porém, cada vez mais os profissionais de interiores ousam com as artes, além dos quadros e telas, e atentam para o encantamento que uma cenografia mais inspiradora ou uma instalação artística podem alavancar. São esculturas flutuantes, plantas em lugares surpreendentes, grafites temáticos, tapeçarias grandes e assimétricas.

Fibras naturais

CasaCor Paraná
Lounge VIP, por Viviane Tabalipa.| Eduardo Macarios

Depois do confinamento da pandemia, nada melhor do que interagir com o mundo natural em doses cavalares dentro dos espaços. Está em evidência todo tipo de fibra ou material natural. Além da madeira e das pedras, peças de algodão, seda, linho, lã, juta, sisal, cânhamo, rattan, bambu e palha. Não só em móveis, mas também em estruturas que até lembram ocas para criar espaços íntimos.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]