5 produtos curitibanos entre os melhores do design brasileiro

O Prêmio Objeto Brasileiro anunciou os finalistas da sua 6ª edição. Entre eles, quatro selecionados são do Estúdio Guria Marcenaria e um do Marcenante, ambos curitibanos

Incensário Haus, descanso Tec e Ganchinhos Kebragalho são alguns dos finalistas do 6ª Prêmio Objeto Brasileiro. Fotos: Divulgação

por Aléxia Saraiva

14/08/2018

compartilhe

A produção artesanal contemporânea brasileira está de vento em popa, e o Prêmio Objeto Brasileiro, promovido pela instituição A Casa – Museu do Objeto Brasileiro, vem para coroar os melhores da área.

A premiação, que acontece a cada dois anos, chega a sua 6ª edição em 2018 com 64 finalistas — dos quais cinco são curitibanos: um do estúdio Marcenante e quatro da Guria Marcenaria, marca com maior número de selecionados.

Up Cup, feito com reaproveitamento de garrafas de vinho branco, é um dos finalistas selecionados. Foto: Divulgação

Para a designer da marca Juliana Bello Schlichting, é a missão da marca que ganha destaque, mais do que serem campeões na quantidade. “Para a gente, que é pequeno produtor e ainda está conquistando nosso espaço, o prêmio vem fortificar o caminho que estamos trilhando. Isso é ver que estamos tomando o rumo certo na nossa produção e nos nossos valores”, afirma. Junto com Diogo Santos, ela produz as peças artesanalmente e em pequenas quantidades.

Um dos valores mencionados por Schlichting que ganhou visibilidade com o prêmio é o upcycling, já que três das quatro peças são feitas a partir do reaproveitamento de materiais descartados. São eles os ganchos de parede Kebragalho, feitos com galhos de araucárias podados; o incensário Haus, feitos com refugo de madeireiras; e o suporte Upcup, que reutiliza garrafas de vinho branco.

LEIA TAMBÉM

>>> 12 marcas de design autoral de Curitiba para você conhecer

Ganchos Kebragalho, feitos com madeira de galhos podados de Araucária. Foto: Divulgação

O outro selecionado foi o descanso Tec, que já foi finalista do Prêmio Salão Design. “Ele tem um design divertido, porque precisa da interação humana para funcionar. É uma peça para soltar a criatividade”, destaca Schlichting.

Essa foi a segunda vez que o estúdio é finalista do Prêmio Objeto Brasileiro. Em 2016, participou com as Luminárias Orvalho.

Com seu formato triangular, o Conjunto Tec permite infinitas possibilidades de montagem. Foto: Divulgação

Finalistas e vencedores

Da curitibana Marcenante, o finalista escolhido foi o suporte ÍON. A barra de cumaru maciço leva ímãs que podem sustentar facas, ferramentas ou chaves.

Suporte ÍON, da Marcenante. Foto: Divulgação

O Prêmio Objeto Brasileiro é divido em três categorias: objeto de produção autoral, objeto de produção coletiva e ação socioambiental. Os vencedores serão anunciados na segunda semana de novembro. Todos os selecionados vão integrar uma exposição no Museu do Objeto Brasileiro, que acontece de novembro a dezembro deste ano. Confira aqui todos os finalistas.

LEIA MAIS

De aplicativo contra depressão ao redesenho do caminhão de lixo: projetos curitibanos levam o Prêmio Bom Design

Dois prédios brasileiros estão entre os melhores do mundo em prêmio internacional

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você