Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Foto: divulgação
Foto: divulgação| Foto:

A edição 2020 do Salão Internacional do Móvel de Milão, na Itália, foi oficialmente cancelada. O anúncio veio na tarde desta sexta-feira (27). Depois de ser adiado de abril para junho em decorrência da pandemia do coronavírus, agora o maior evento de design do mundo acontecerá somente na edição de 2021, entre os dias 13 e 18 de abril, quando será celebrado os 60 anos de existência da feira.

Siga HAUS no Instagram

O anúncio foi feito depois que o Japão confirmou que as Olimpíadas passariam para 2021, assim como outros eventos de escala internacional, que foram adiados por um longo período.

“A decisão de adiar foi tomada pelo Conselho do Salone del Mobile à luz da pandemia de coronavírus em curso que está se espalhando por quase todos os países do mundo. A situação que levou à mudança original de data de abril para junho, anunciada em 25 de fevereiro, mudou fundamentalmente. Embora estivéssemos determinados a manter a data de junho, para permitir que o evento anual acontecesse como planejado, as atuais circunstâncias sem precedentes e as incertezas de médio prazo agora significam que o Salone deste ano não pode mais seguir em frente”, explica nota da organização do evento.

Pela primeira vez na história do evento, a edição de 2021 trará as duas mostrar bienais do Salão do Móvel, Euroluce (que ocorre nos anos ímpares) e EuroCucina (que seria realizada em 2020) em uma mesma edição da feira. Além delas, a Rho Fiera receberá a Exposição Internacional de Acessórios para Mobiliário, a Workplace 3.0, o S.Project e o Salone Satellite, além do Salão Internacional do Móvel.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]