Patrocínio

Design brasileiro é destaque na abertura da Semana de Design de Milão 2019

A mostra "Brazil Essencially Diverse", do projeto Be Brasil, apresenta 33 marcas e profissionais que se destacam no cenário nacional

Foto: Instagram/Reprodução

por Gazeta do Povo*

08/04/2019

compartilhe

As portas de Rho Fiera — imenso pavilhão onde acontece o Salão Internacional do Móvel — ainda não abriram e o design “made in Brazil” já faz história na edição 2019 do maior evento de design do mundo.

A mostra “Brazil Essencially Diverse” do projeto Be Brasil inaugurou nesta segunda-feira (8) e chamou atenção por apresentar um país criativo, distante das alegorias a que sempre parecemos fadados.

“Mais de 400 mil pessoas vem para [a Semana do Móvel]. Então, é uma oportunidade para o Brasil mostrar a sua imagem de sofisticação, de um país que faz design e que tem uma força industrial importante”, avalia Julio Laranjeira, cônsul-geral adjunto do Brasil em Milão.

>>> Acompanhe nossa cobertura em tempo real pelos stories do Instagram

>>> 9 lançamentos de design autoral do maior festival de arte da América Latina 

Organizada pela Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), a mostra reúne 33 marcas e designers brasileiros e tem curadoria de Joice Joppert Leal, que há mais de 50 anos atua no setor, tendo trabalhado com Ernesto Hauner, Carlo Hauner e Sérgio Rodrigues.

“Esta é a primeira exposição que eu faço na qual eu consigo realizar todas as minhas fantasias com relação à promoção do design. Porque eu acredito nisso: em mostrar as nossas raízes, a nossa competência, sem um olhar paternalista. Eu fico honradíssima de ter um Jaime Lerner, que é considerado o maior urbanista do mundo e tem a generosidade de ser uma âncora para os jovens designers que estão aqui”, explica.

Confira onze produtos expostos na “Brazil Essencially Diverse”:

Rede Trancé Artesanal Natural, da Santa Luzia Redes e Decorações, que recebeu o prêmio de Excelência Artesanal pelo Conselho Mundial de Artesanato da Unesco.

Banco Toinoinoin, em aço carbono, assinado por Jaime Lerner.

Mesa de jantar Picolé, em madeira maciça faia, de Tiago Curioni com Mobimetro.

Pendente, luminária de chão e de mesa Fuchsia, de Bruno Felippe.

Linha de cadeiras Brasília, de Danilo do Vale para Athos Bulcão.

Banco IVI, de Rodolpho Guttierrez, da Boulle.

Banco Tric, da Araucari.

Mesa Guaimbé, de Paulo Alves.

Chaise Flag, de Marta Manente.

Pendente Flyaway, de Studio Sadallad.

Mesa e tapete da coleção Cosmografia de Daniela Busarello.

*Daliane Nogueira e Sharon Abdalla, enviadas especiais.

LEIA TAMBÉM

Importante arquiteto brasileiro assina luminária irreverente em homenagem a Tom e Jerry

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você