Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Materiais alternativos e novos formatos: os destaques em iluminação no Fuorisalone 2021
| Foto: Divulgação

Nem só de mobiliário se faz um Fuorisalone. E os lançamentos em iluminação estão aí para provar que, além da estética, a versatilidade, funcionalidade e sustentabilidade também rondam a cabeça dos criativos na busca por soluções cada vez mais completas e eficientes.

Media partner oficial pelo segundo ano consecutivo do Fuorisalone Digital, HAUS selecionou sete produtos que se destacam no segmento de iluminação. Confira!

Siga a HAUS no Instagram

Medo do escuro

| Divulgação

Sentimento comum entre as crianças, o medo do escuro foi a inspiração para a criação da Little Bulb (Pequena Lâmpada, em tradução livre), pela Pupupula. Com forma que faz referência à tradicional lâmpada de bulbo, ela é produzida em silicone (macio, durável e resistente a rasgos) e é totalmente portátil, podendo ficar por até 72h de uso fora da sua base de carregamento. O modelo ainda conta com um aplicativo próprio para smartphone, que permite o controle da intensidade e temperatura da cor.

Quente

| Divulgação

A lâmpada Pale é a peça central da primeira coleção da francesa Soma. Feita em latão escovado e resina (orgânica e biodegradável), o pendente conta com acabamento translúcido e faz referência ao antigos leques de palha e madeira comuns em localidades mais quentes, com design assinado por Mylene Scotto.

Inteligente

| Divulgação

Uma lâmpada, múltiplas funções. A Lightcycle Morph, da Dyson, foi desenvolvida para atender às necessidades de iluminação em diferentes períodos do dia e também para a execução de diversas atividades, do trabalho à iluminação indireta. Isso se dá por sua cabeça e hastes articuláveis e também pelo controle da intensidade e temperatura da iluminação através de aplicativo próprio. O modelo conta, ainda, com um algoritmo exclusivo baseado na hora, data e local onde está instalada, o que permite que faça estes ajustes automaticamente.

Tradição renovada

| Divulgação

Um dos mais clássicos materiais do setor de iluminação, a porcelana foi resgatada em uma proposta contemporânea no pendente Lumimóza, por Edina Andrási. Translúcida, ela foi trabalhada em camadas sobrepostas que fazem referência às formas orgânicas da natureza e dão vida a uma peça que valoriza a indústria artesanal. Outra vantagem do produto é que ele é personalizável, como explica a designer.

Um experiência

| Divulgação

Muito mais do que uma lâmpada, a Dimmenso é uma experiência. Pelo menos esse foi o conceito que norteou sua criação pelo Mauino.com, que desenvolveu um sistema de iluminação emocional portátil composto por duas partes. A tampa superior, que se abre como um baú e acendendo a luz e aumentando sua intensidade de acordo com o ângulo de abertura. A base, portátil, também funciona como um carregador sem fio e conta com alto-falantes bluetooth.

Meio termo

| Divulgação

Mais acessível do que a pedra natural, e mais sustentável do que a artificial (que usa até 50% de plásticos). O projeto Marbled Salts, pela belga Fabienne Massart, usa sal marinho como substituto do pó de mármore e tem no material um aliado à dispersão da luz no protótipo do pendente, que pode ser produzido em diferentes cores e tamanhos.

Sanitizante

| Divulgação

Em tempos pandêmicos, não é surpresa que alguns dos lançamentos apresentados no Fuorisalone tenham a higienização como mote. É o caso da SanLight, apresentada pelo Kushim Caring Design. Com desenho minimalista, em formato cúbico, a peça é equipada com um dispositivo interno que destrói substâncias poluentes, incluindo bactérias, vírus, mofo e odores, higienizando o ar em ambientes fechados. A peça está disponível em dois modelos: SanLight 200, capaz de tratar até 200 m³ de ar por hora, e SanLight 700, que higieniza até 700 m³ no mesmo período.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]