• Patrocínio

    Vale do Pinhão Prefeitura de Curitiba

Minicidades inteligentes: Smart City Expo leva crianças ao futuro

Faróis do Saber e minicidades inteligentes foram atrações voltadas a crianças que participaram da Smart City Expo Curitiba 2019, mostrando que o público infantil também participa desta discussão

Faróis do Saber ganham novidades tecnológicas para incluir crianças no mundo das cidades inteligentes. Foto: Brunno Covello/Arquivo/Gazeta do Povo

por Diego Denck*

23/03/2019

compartilhe

Como incluir as crianças na discussão sobre futuro das cidades é uma premissa que chegou à segunda edição brasileira do congresso Smart City Expo. A exposição da feira contou com dois espaços voltados às interações dos pequenos com as novas tecnologias: os Faróis do Saber – pequenas bibliotecas espalhadas por diversos bairros de Curitiba -, que estão em processo de modernização das estruturas, e a iCities Kids, projeto educativo e social que leva a crianças entre 6 e 10 anos algumas das inovações que as cidades inteligentes estão prometendo.

>> Veja como foi o segundo dia do Smart City Expo Curitiba 2019

A coordenadora do iCities Kids, Erica Nickel, lembra que as novidades que estão sendo mostradas no evento serão amplamente usadas pelas crianças no futuro. “Nosso objetivo é promover o conceito de cidades inteligentes para as novas gerações”, explica Erica. Através de uma minicidade cenográfica, as crianças aprendem de forma lúdica como agir e se comportar com tantas novidades que estão sendo pensadas.

Ericka salienta que as escolas selecionadas são aquelas que já possuem projetos focados nessas áreas, já que isso fomenta o conhecimento de uma maneira mais contínua. As oficinas nas minicidades inteligentes não devem ser vistas meramente como um passeio escolar, mas, sim, como uma forma de incrementar o currículo dos cidadãos das cidades do futuro.

Espaço do iCities Kids no Smart City Expo mostra tecnologias utilizadas para crianças. Foto: Michel Willian/Gazeta do Povo

Durante 1h30, os pequenos participam de oficinas separadas, porém interligadas: Mobilidade Inteligente, que mostra meios de transporte que não agridem o meio ambiente; Robótica e Tecnologia, que utiliza óculos de realidade virtual para mostrar inovações domésticas e sociais; Consumo Consciente e Reciclagem, que, como o próprio nome diz, ensina a separar e reaproveitar os materiais; e Energias Renováveis, que mostram as diferentes fontes energéticas, como a hidrelétrica, a eólica e a solar.

Novidades no farol

Os Faróis do Saber foram criadas durante a primeira gestão do prefeito Rafael Greca, entre 1993 e 1997. Os locais foram inspirados no Farol de Alexandria, cidade que, na Antiguidade, contava com uma biblioteca que supostamente reunia todo o conhecimento da época.

Agora, mais de duas décadas depois, chegou a hora de modernizar essas estruturas. Ao reassumir a prefeitura em 2017, Greca as transformou em Faróis do Saber e Inovação, criando o Espaço Maker no mezanino das bibliotecas. Além do acesso a uma grande variedade de livros, alunos da rede pública de ensino também têm a oportunidade de conhecer o que há de mais moderno em termos tecnológicos.

Farol do Saber Frei Miguel Bottacin. Foto: Brunno Covello/Arquivo/Gazeta do Povo

A impressora 3D, presente em 11 dos 34 faróis, é uma dessas inovações, permitindo que as crianças aprendam na prática a montar objetos para o uso diário com uma tecnologia de alto custo. Uma curiosidade é que, mesmo assim, os coordenadores do Farol do Saber e Inovação procuram formas de unir essas tecnologias de ponta com materiais reciclados, como estruturas que misturam impressões 3D e palitos de sorvete.

Os locais também ensinam os pequenos a usarem LEDs, baterias e motores em circuitos eletrônicos feitos com papel alumínio, por exemplo. Oficinas de programação também estão disponíveis no contraturno escolar, tanto para alunos da rede pública quanto para a comunidade. De acordo com Dagmar Heil Pocrifka Bley, pedagoga e coordenadora de tecnologias, até mesmo alunos de escolas particulares estão procurando os Faróis do Saber e Inovações porque eles possuem tecnologias que não são encontradas em suas instituições.

*Especial para Gazeta do Povo

LEIA MAIS

Novo ‘trem do futuro’ faz trajeto entre Campinas e São Paulo em 6 minutos

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você