Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
design-airbnb-concurso-unique-fund
O Hotel Batata é um dos destaques da plataforma, criado pela superhost Kristie Wolfe. Ela será uma das juradas do concurso | Foto: divulgação| Foto: Divulgação/Airbnb

A plataforma global de aluguel de acomodações Airbnb está promovendo um fundo para incentivar projetos de arquitetura e design ousados a saírem do papel. A empresa pretende financiar com US$ 100 mil dez projetos que sejam considerados não só criativos, como também sustentáveis, viáveis e que promovam o bem social nas comunidades em que serão construídos.

Cada um dos selecionados receberá a quantia até 15 de maio e deverá executar a obra, em três diferentes fases, até dezembro de 2020. Os vencedores serão escolhidos por um time de jurados, formado pela super anfitriã da plataforma e criadora do "Hotel Batata", Kristie Wolfe; pelo ator e cantor Billy Porter, além de especialistas do premiado escritório MVRDV, liderado pelos arquitetos holandeses Wilhelmus Maas, Jacob van Rijs e Nathalie de Vries.

Siga a HAUS no Instagram!

concurso-fundo-unique-airbnb-para-design-ousado
Foto: Airbnb/Divulgação| Divulgação/Airbnb

De acordo com a empresa, a intenção do Fundo Unique é encontrar pessoas dispostas a desafiar o conceito de casa apresentando aos jurados formas incomuns, locais inesperados e conceitos imersivos. "Quanto mais selvagem, melhor. O seu design deve refletir uma nova perspetiva visível em cada detalhe. Uma participação bem-sucedida será cheia de surpresas, por dentro e por fora", explica a marca.

Como exemplos de acomodações originais, os diretores da Airbnb citaram espaços concorridos na plataforma como "O Vagão de Ovelhas", no Arizona; a casa de bamboo "Camaya Bali", na Indonésia, e "A Bota", na Nova Zelândia.

  • Divulgação/Airbnb
  • Divulgação/Airbnb
  • Divulgação/Airbnb
  • Divulgação/Airbnb
  • Divulgação/Airbnb

Ao todo, moradores e profissionais de 31 países poderão se inscrever no fundo, até o próximo dia 15 de abril. Na América Latina, apenas os argentinos, chilenos e mexicanos estão autorizados a participar da competição. Procurada pela reportagem, a plataforma Airbnb informou que ainda não há um posicionamento oficial sobre novas edições do financiamento nem sobre a expansão do programa para o Brasil.

Pare ser contemplado com o prêmio é preciso que os inscritos, além de enviarem o projeto e a viabilidade de execução, tenham mais de 18 anos, sejam donos de uma propriedade disponível para locação de temporada e falem inglês. Após a reforma ou construção, as acomodações inusitadas passarão a ficar disponíveis para aluguel na plataforma, por pelo menos um ano, recebendo entusiastas do design, imprensa e turistas em geral.

Conteúdo editado por:Luan Galani
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]