Aprenda a limpar vidros e espelhos sem deixar manchas

Não, jornal não é a melhor opção. Usar produtos, materiais e técnicas adequados evita fissuras que comprometem a vida útil dos objetos

Foto: Reprodução

por Mariana Domakoski*

16/03/2017

compartilhe

Limpar espelhos e vidros em geral não é uma tarefa muito fácil. Restinhos de pano nas superfícies e manchas causadas pelo excesso de líquido limpador são alguns dos problemas enfrentados nessa hora. Por isso, HAUS foi em busca de uma especialista para ensinar dicas e indicar os melhores produtos e materiais para a atividade.

Acredite: com o produto e o pano mais indicados, dá para deixar tudo limpinho, sem precisar lançar mão do famoso papel jornal. Essa técnica “da vovó”, inclusive, pode danificar o espelho e os vidros a longo prazo, de acordo com a coordenadora de limpeza e instrutora dos cursos de limpeza da Fundação do Asseio e Conservação do Estado do Paraná (Facop), Juliana Wille. “São materiais que vão riscando a superfície pouco a pouco. E nessas fissuras vão se acumulando sujeira e bactérias”, explica.

limpar-vidro-espelho-aprenda-como-facop (1)

Foto: Reprodução

1 – Use o produto adequado

* Limpa-vidros, encontrado em mercados, é o mais indicado.

Produtos multiuso e desengordurantes não podem ser usados, como explica a especialista, porque deixam muitos resíduos, que são causadores de mancha. Detergentes neutros não são proibidos, mas exigem um enxágue total. Do contrário, geram manchas. Álcool também não é indicado.

Para manusear o produto de limpeza, Juliana indica o uso de luvas. “Todo contato com produtos químicos de limpeza é prejudicial de alguma forma para a pele, deixando-a ressecada ou avermelhada, por exemplo”, explica.

2 – Use os materiais adequados

* Panos multiuso, desses que têm furinhos e que também são encontrados em bobinas, são indicados e podem ser descartados após o uso.

como-limpar-espelhos-vidro-dicas-paninho-multiuso

Um pano multiuso limpa bem espelhos e vidros e pode ser descartado após a limpeza. Foto: André Rodrigues/Gazeta do Povo

* Panos de microfibra também são indicados e têm uma vida útil média de 60 a 70 usos de acordo com as práticas de limpeza industrial.

como-limpar-espelhos-vidro-dicas-paninho-microfibra-2

Panos de microfibra têm uma durabilidade maior e são indicados para limpeza de espelhos e vidros porque não deixam resíduos. Foto: André Rodrigues/Gazeta do Povo

* Rodo de pia é ideal para retirar o excesso de produto depois de passar o pano.

como-limpar-espelhos-vidro-dicas-rodo-pia-2

Para retirar o excesso de produtos, o rodo de pia é ideal. Foto: André Rodrigues/Gazeta do Povo

* Espanador eletrostático, encontrado em mercados ou lojas de produtos de limpeza, é indicado para vidros e espelhos que não ficam em áreas úmidas como os banheiros e que não estão muito sujos, não precisando de aplicação de produto.

como-limpar-espelhos-vidro-dicas-espanador-eletrostatico

Para espelhos com pouca sujeira e que não ficam em áreas úmidas, um espanador eletrostático é suficiente. Foto: André Rodrigues/Gazeta do Povo

As conhecidas flanelas, o papel jornal ou o papel toalha não são indicados, segundo Juliana. As primeiras porque são tecidos que soltam pelinhos. O segundo e o terceiro porque riscam o espelho. No caso de esponjas, apenas o lado amarelo deve ser usado, pois o verde é muito abrasivo. Mas Juliana só as indica se a superfície estiver muito suja.

3 – Use técnicas de limpeza de acordo com a quantidade de sujeira

Confira o vídeo em que Juliana Ville demonstra a melhor técnica para cada necessidade:

Um espelho ou vidro pouco sujo em áreas secas

Para esses casos, o espanador eletrostático é suficiente, sem o limpa-vidros. É só passar formando um oito por toda a superfície.

Um espelho ou vidro pouco sujo em áreas úmidas

Em áreas úmidas a sujeira se mistura à umidade. Mesmo que seja pouca, exige produto para a limpeza. Mas não muito. Juliana indica que a melhor forma é espirrar o limpa-vidros no pano, e não diretamente no espelho ou vidro, para diminuir o contato com a superfície. Isso torna a limpeza mais fácil porque não há excesso de produto.

O uso de pouco produto também é indicado para espelhos com molduras, para evitar que ela fique úmida.

Um espelho ou vidro muito sujo

Nestes casos, dá para borrifar o limpa-vidros diretamente no espelho ou vidro, porque eles vão precisar de uma boa quantidade. Se a superfície for muito grande, faça a limpeza por pequenas áreas, aplicando o produto e passando o pano em movimentos em forma de oito. Depois, retire o excesso com o rodo de pia.

4 – Manchas acinzentadas em espelhos

Sabe aquelas manchas acinzentadas que começam a aparecer no canto dos espelhos? Elas são um indicativo de que a umidade entrou, como explica Juliana. Em peças com muito tempo de uso, com mais de 10 anos, é normal que o problema apareça, mas, nas relativamente novas, significa que não foram bem vedadas com silicone. “Por isso, é importante verificar se possui selo ABNT, o que mostra que passou por todos os procedimentos necessários, inclusive de vedação das bordas com silicone, para proteger a prata”, afirma. Esse selo é normalmente encontrado na parte de trás.

Principalmente espelhos de banheiro e outras áreas úmidas sofrem desse mal. Para protegê-los por mais tempo, Juliana indica fazer um reforço da vedação com silicone. Se o espelho fica apoiado em uma bancada, por exemplo, ela aconselha retirá-lo, fazer uma limpeza na superfície da bancada com produto clorado, como a água sanitária, secar com um secador e colocar uma camada de silicone na qual será fixado o espelho novamente.

*Especial para a HAUS

LEIA TAMBÉM

Ganchos adesivos facilitam a organização da casa

15 salas lindas e práticas decoradas com estantes multiuso

Dicas para organizar a lavanderia em cinco passos

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você