O ABC dos organizadores mostra como escolher os acessórios certos para acabar com a bagunça

Personal organizers “dão a letra” do que usar para facilitar na hora de deixar a casa em ordem

Foto: Leticia Akemi

por Camila Machado*

01/11/2019

compartilhe

“Casa organizada é lugar de gente feliz!” Sabe quem disse isso? A Sirlei Morais da Rosa, uma apaixonada por dobras perfeitas, alinhamento de cabides e funcionalidade nos ambientes. De tão fã da arrumação, passou a estudar o hobby mais a fundo, a ponto de torná-lo profissão: ela dá cursos sobre o tema. E a primeira dica que dá para quem quer começar a colocar a casa nos eixos é investir nos organizadores.

A ideia é compartilhada também pela personal organizer Carolina Pedroso. Ela largou o mundo dos negócios para apostar em métodos e técnicas de organização e, hoje, vê nos nichos, colmeias, prateleiras e outras soluções inteligentes, grandes aliados na hora de colocar tudo em ordem. “A maioria das pessoas não tem tempo e nem habilidade para deixar tudo à mão. Aprender formas de fazer é uma maneira de trazer eficiência na gestão doméstica”, explica.

Como escolher os organizadores?

As profissionais alertam: organização é personalização. “Cada família, e cada casa, é única. Vale se inspirar no que vemos na internet e em séries de TV, mas é preciso que as mudanças funcionem no dia a dia”, dizem. Enxergar as coisas que se tem de maneira panorâmica é um bom começo. E é aí que entra o primeiro item indispensável da lista de organizadores: as colmeias

Foto: Leticia Akemi/ Gazeta do Povo

“O closet é o cômodo que traz mais dificuldade na hora de organizar e as colmeias vêm como uma solução para ganhar espaço e manter a arrumação por mais tempo”, conta Sirlei. “É uma casinha
para a roupa voltar”, compara Carolina. Outra dica é usar as colmeias para categorizar o que se tem no guarda-roupa, biquíni com biquíni, roupa de academia com roupa de academia, e assim vai.
Essa classificação auxilia, inclusive, na hora de planejar a mala para viagens curtas. “É só colocar as colmeias, prontinhas, na bagagem. É fácil na hora de desmontar a mala também”, afirmam.

Os packs – bolsões em TNT ou outros materiais – também são citados pelas organizers, já que fazem a vez de categorizador e trazem mais espaço livre para o armário. “Eles servem para guardar as roupas de inverno enquanto estamos nos dias quentes, para armazenar cobertores ou até toalhas de banho. É importante que sejam feitos de um material que permita a respiração da peça, para que não haja o risco de embolorar com a umidade ou dar mau cheiro”, explica Andressa Synnara, personal organizer.

Outro item, esse mais curioso, diz respeito às dobras e à quantidade de espaço que peças bem alinhadas podem trazer a um closet. Já ouviu falar nos dobradores de roupa? “São uma espécie de gabarito para a dobra. Fazem com que todas as camisetas fiquem do mesmo tamanho, dando uma sensação ainda maior de limpeza e organização”, comenta Andressa.

Foto: Leticia Akemi/ Gazeta do Povo

Desocupar gavetas

Os cabides especiais têm a função crucial de desocupar gavetas. “Já vi guarda-roupas com gavetas ocupadas só com gravatas ou só com cintos. Por quê, se podemos pendurar tudo em um cabide?”, questiona Sirlei. E há opções para todos os gostos, como os cabides para colares, echarpes ou cachecóis, chapéus, porta-trecos, entre outros.

Foto: Leticia Akemi/ Gazeta do Povo

Para a cozinha

Os armários planejados podem ser usados com mais inteligência. Os espaços ociosos no local de armazenamento de pratos, por exemplo, podem ser preenchidos com prateleiras aramadas, barras
e ganchos. “É preciso fazer andares”, sugere Sirlei.

Foto: Leticia Akemi/ Gazeta do Povo

Outra ideia para a cozinha são as sacolas organizadoras, feitas em nylon e algodão, duráveis e reutilizáveis. “Há opções no mercado de sacolas que evitam que bichinhos fiquem nas frutas, que aumentam a durabilidade de verduras e legumes e deixam mais organizadas as geladeiras”, cita Andressa.

Foto: Leticia Akemi/ Gazeta do Povo

A praticidade das caixas organizadoras

As caixas organizadoras, os nichos e os cestos são grandes conhecidos. Investir nos transparentes é a dica das organizers. “Fica muito mais fácil encontrar o que precisamos. A lavanderia é um grande exemplo. Deixe sempre junto, em caixas organizadoras etiquetadas, produtos que tenham uma mesma finalidade. Itens de limpar o banheiro em uma, itens usados na máquina de lavar em outra”, sugere Sirlei.

Colmeias, caixas, sacolas e acessórios como cabides ajudam a deixar cada coisa em seu lugar. Foto: Leticia Akemi/ Gazeta do Povo

Ainda no cômodo de limpeza, uma opção interessante é o cabide para tênis. “O tênis seca por inteiro, não ocupa espaço no varal, é prático”, finaliza Andressa.

AGRADECIMENTO | Fotos: as fotos foram feitas na Fast Closet (Rua Padre Germano Mayer, Nº 1980 – Esquina c/ Augusto Stresser, Curitiba-PR).

Organizadores facilitam a vida de quem quer deixar a casa nos eixos e manter a arrumação por mais tempo. Foto: Leticia Akemi/ Gazeta do Povo

*Especial para Haus.

LEIA TAMBÉM

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você