Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Vaso de pilea.
Queridinha, a pilea peperomioides se adapta bem ao outono.| Foto: 2710 Atelier Botânico/Divulgação

Estação de transição, o outono não é exatamente um bom período para as plantas: segundo a idealizadora do 2710 Atelier Botânico, Eliane Veríssimo, a maioria das espécies diminui o metabolismo - ou seja, se desenvolvem de forma mais lenta - ou entram em dormência, quando chegam a perder as suas folhas e economizam o máximo de energia, gerando apenas a suficiente para sobreviver.

Diminuir a rega neste período é a medida mais importante para preservar suas plantas. "Faça sempre o teste do dedo: afunde na terra e só faça se o substrato estiver seco. Em espécies como o filodendro, só borrife água nas folhas pela manhã, nunca à tarde ou à noite, para dar tempo de secar. Caso contrário, pode proliferar fungos", alerta Eliane, que trabalha com  o "delivery de plantas" há pouco mais de um ano.

Mulher lendo em meio a plantas
A historiadora iniciou o 2710 Atelier Botânico no ano passado, e trabalha apenas com delivery. Foto: Divulgação. | Divulgação


Doutora em história, ela dedica quase 100% do seu tempo para o ateliê e começou o negócio ao acaso, quando retornou a Curitiba do Rio Grande do Sul, onde lecionava, por conta da pandemia. "Continuei com as aulas on-line e, em casa, comecei a ter cada vez mais plantas. Meu companheiro dizia que já era muita coisa e brinquei que iria vender. E aí comecei, deu um super retorno e agora meu foco é o atelier, que concilio com algumas pesquisas na minha área de formação", conta ela sobre o início do 2710.

Arranjos do 2710 Atelier Botânico. Foto: Reprodução/Instagram.
Arranjos do 2710 Atelier Botânico. Foto: Reprodução/Instagram.

Outra orientação da "cartilha"que ela repassa aos clientes é fazer podas de limpeza, ainda mais necessárias nessa época, retirando folhas amarelas e galhos secos. "Isso ajuda a evitar cochonilha e pulgão", ensina.  Outono-inverno tampouco é um bom período para adubação; deixe os nutrientes extras para a primavera. Mais um cuidado: observe a orientação do sol dentro de casa, que muda conforme a estação e prefira deixá-las em espaços com a maior claridade possível. 

Mas nem tudo está perdido no outono. Há algumas plantas e flores que fazem o metabolismo "ao contrário: e aproveitam esse período mais frio para se desenvolver. Veja as espécies elencadas pelo 2710 Atelier Botânico: 

Suculentas

Crassula Ovata. Foto: Ruslan Bardash/Unsplash.
Crassula Ovata. Foto: Ruslan Bardash/Unsplash.

O rhipsallis e a crassula são duas espécies de suculentas que gostam da estação. "A Crassula, ao contrário das outras suculentas, faz a dormência dela no verão e se desenvolvem plenamente no outono e no inverno. Consulte o solo antes da rega e não precisa de poda. Também pode adubar" fala Eliane. Suculentas gostam de sol; deixe ela em algum local com incidência solar ou próximo de uma janela. 

Folhagens

Zamioculca é uma das espécies que se adapta ao outono. Foto: 2710 Atelier Botânico/Divulgação.
Zamioculca é uma das espécies que se adapta ao outono. Foto: 2710 Atelier Botânico/Divulgação.

A maioria delas terá desenvolvimento lento no outono, mas há algumas que não sofrem tanto a ponto de perder folhas. Uma delas é a Pile peperomioides, já queridinha na urban jungle dos apreciadores de plantas. Outras que sobrevivem bem na estação são as do gênero monstera, que tem "buracos"nas folhas, como a costela-de-adão. Espadas de são jorge e santa bárbara, jibóia, peperômias e as zamioculcas são outras indicações.

Flores

Tulipa é uma das flores de outono. Foto: 2710 Atelier Botânico/Divulgação.
Tulipa é uma das flores de outono. Foto: 2710 Atelier Botânico/Divulgação.

Assim como frutas e vegetais, determinadas espécies de flores crescem mais em determinadas estações. Outono é época de copo-de-leite, tulipa, hortênsia, amor-perfeito e lírio. "Elas florescem até o começo da primavera, sendo que a Tulipa é específica do outono-inverno. Ao comprar, prefira sempre botões bem fechados, que duram cerca de cinco dias, e irão florescer no próximo ano", explica Eliane sobre as tulipas. 

Arranjos secos

Foto: Oscar Helgstrand/Unsplash.
Foto: Oscar Helgstrand/Unsplash.

Para trazer um toque de aconchego à casa, a idealizadora do 2710 indica arranjos secos com espécies como capim do texas, capim dos pampas e flores secas. Tons terrosos também vão bem neste período.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]