Evento mundial de cidades inteligentes em Curitiba é anunciado oficialmente em Barcelona

Primeira edição brasileira do maior evento sobre cidades inteligentes do mundo será sediada na capital do Paraná

Frederico Lacerda apresentou o Smart City Expo Curitiba 2018 em novembro. Foto: Divulgação

por Stephanie D'Ornelas*

15/11/2017

compartilhe

Curitiba estará sob os holofotes do mundo entre os dias 28 de fevereiro e 1 de março de 2018, quando irá sediar a primeira edição brasileira do maior evento sobre cidades inteligentes do planeta, o Smart City Expo World Congress. O anúncio oficial foi feito nesta quarta-feira (15) durante o congresso deste ano em Barcelona, cidade que organiza e abriga o evento desde 2012. Uma delegação de 30 brasileiros está no evento, que soma representantes de 700 cidades de todo o mundo e mais de 400 especialistas.

O anúncio, que fará de Curitiba uma vitrine global de tecnologia e inovação urbanística, foi feito durante o painel “Liderando cidades inteligentes ao redor do mundo”. Um vídeo levou a palavra do prefeito Rafael Greca, anfitrião do Smart City Expo Curitiba 2018, e mostrou imagens panorâmicas da cidade. Em seguida, Frederico Lacerda, presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento, falou sobre o modelo curitibano de incentivo à inovação, materializado pelo ecossistema Vale do Pinhão.

Smart City Expo World Congress é a cúpula internacional de debate acerca do desenvolvimento de cidades inteligentes, que se realiza anualmente em Barcelona. Foto: Reprodução

Smart City Expo World Congress é a cúpula internacional de debate acerca do desenvolvimento de cidades inteligentes, que se realiza anualmente em Barcelona. Foto: Reprodução/Smart City World Congress 2017

O lema deste ano do congresso – que começou no dia 14 e termina nesta quinta, 16 – é “Empower Cities. Empower People” (“Capacitar Cidades. Capacitar Pessoas”, em tradução livre). A edição curitibana, que será hospedada na Expo Renault Barigui, tem a chancela da FIRA Barcelona Internacional, consórcio público espanhol formado pela Câmara de Comércio de Barcelona e pelo Governo da Catalunha. O iCities, empresa paranaense pioneira em soluções urbanas, é o organizador do Smart City Expo Curitiba 2018, com o apoio estratégico do World Trade Center Business Club.

Atrações

O Smart City Expo Curitiba 2018 reunirá 36 palestrantes nacionais e 18 estrangeiros ao longo de dois dias. Além do congresso, uma feira de exposições apresentará novidades das empresas participantes. A programação inclui uma série de cases de cidades que aplicaram o conceito de cidades inteligentes.

O evento vai explorar a inovação como motor de desenvolvimento econômico. O tema se desdobrará em quatro pilares de discussão: tecnologia disruptiva, governança, inovação digital e cidades sustentáveis do futuro.

Participantes do movimento Reação Urbana estarão presentes no congresso para apresentar propostas para o Vale do Pinhão. Fotos: Fernando Zequinão / Gazeta do Povo.

Participantes do movimento Reação Urbana estarão presentes no congresso, apresentando propostas e soluções para o Vale do Pinhão. Fotos: Fernando Zequinão / Gazeta do Povo.

“Um número crescente de áreas urbanas em todo o mundo vem abraçando os princípios da cidade inteligente para ajudar a promover o desenvolvimento inteligente. Entre as ações aplicadas, estão a inclusão de novas tecnologias na gestão das cidades, mudanças nas políticas públicas e envolvimento da comunidade nas decisões e projetos. Curitiba tem tradição nesse cenário e por isso apresenta a vocação natural para mostrar ao mundo como as cidades estão se engajando nessa transformação”, explica André Telles, diretor de marketing do iCities.

Reação Urbana

O Reação Urbana, movimento idealizado pela HAUS, Gazeta do Povo, e pela Oscip Reurbanizar, primeira startup do Vale do Pinhão, marcará presença no Smart City Expo 2018. A ação busca auxiliar o setor público e privado e envolver a população nas propostas de reabilitação urbana das regiões do Rebouças e Prado Velho. Durante o Laboratório de Reação Urbana do Vale do Pinhão no final de outubro, o arquiteto Gustavo Pinto, da Reurb, comentou sobre o cronograma de ações do projeto neste e no próximo ano. “Em dezembro, começaremos a apresentação dos diagnósticos e a produção do material que será apresentado pelos agentes urbanos no evento internacional Smart City Expo 2018, em fevereiro do próximo ano”.

*Especial para a Gazeta do Povo

LEIA MAIS

Receba nossas notícias por e-mail

Inscreva-se em nossas newsletters e leia em
seu e-mail os conteúdos de que você mais
gosta. É fácil e grátis.

Quero receber

8 recomendações para você