| Pixabay
| Foto: Pixabay

O sistema capitalista é constantemente condenado e acusado de ser a causa dos males da humanidade. Na realidade, ele já fez mais para melhorar as condições econômicas da humanidade do que qualquer outro arranjo econômico.

Confira nos artigos a seguir:

Afinal de contas, o capitalismo é mesmo cruel e explorador?

Comunistas, socialistas, distributivistas e outros grupos não cansam de falar que o capitalismo é cruel. Mas será que eles sabem o que é o capitalismo? Leia neste artigo.

No Camboja, até os mais ferrenhos comunistas se renderam ao capitalismo. E gostaram

Ex-membros da sangrenta ditadura de Pol Pot agora seguem gurus ocidentais dos negócios e acreditam na boa gestão, nos indivíduos e no poder do empresariado.

A “paz capitalista” pode parecer uma heresia, mas é real

Neste artigo, o autor defende que o desenvolvimento dos países e a redução da pobreza mostram que a globalização é o caminho para a prosperidade e a paz mundial.

Nossos antepassados escaparam da pobreza arrasadora graças ao capitalismo

Entenda como o sistema de livre-empresa, ou capitalista, já fez mais para melhorar a condição material da humanidade que qualquer outro arranjo econômico em toda a história escrita.

Taxas de pobreza extrema despencam sob o capitalismo

Este texto traz dados que podem surpreender quem acredita que as taxas de pobreza extrema sobem no capitalismo.

As pessoas são menos egoístas no capitalismo

Veja como o individualismo e o livre comércio tornam as pessoas mais altruístas e confiáveis.

A juventude de hoje rejeita o capitalismo, mas quer substituí-lo com o quê?

Este texto mostra que os jovens que rejeitam o capitalismo, na verdade, apoiam conceitos capitalistas, e só querem que ele seja partilhado de forma mais ampla, para repartir entre mais pessoas a riqueza que criamos coletivamente.

Eu cresci em um regime comunista. Eis aqui o que os americanos não entendem sobre liberdade

Conheça o depoimento de uma mulher que fugiu da Romênia comunista durante a Guerra Fria para buscar a liberdade. Ela conta que passou a entender e a valorizar o capitalismo, o “único sistema capaz de elevar a qualidade de vida da civilização humana”.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]