Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • A

    Ana Luiza

    ± 0 minutos

    Eu só acho que você está fazendo como muitos brasileiros. Falando do livro sem ter lido.. Deve estar na sua estante pegando poeira - me refiro ao Milagre da Manhã.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paulo

    ± 105 dias

    O problema do texto é que ele aponta diretamente pra vaidade do leitor, inclusive o leitor do jornal que não gosta de ver sua pretensa superioridade moral refletida no espelho.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Laura Bergallo

    ± 105 dias

    A negação da realidade - goste-se dela ou não - é um cacoete intelectualoide que não ajuda ninguém. A ânsia por lacrar e doutrinar, então, nem se fala. Sou escritora de 23 livros juvenis premiada com um Jabuti e (antes de me autocancelar do meio literário por absoluta incompatibilidade ideológica) conheci uma maioria de autores que pregam a "democratização da literatura" (ou seja, o governo usando nossos impostos pra comprar livros aos montes a fim de distribuir em escolas cujos alunos eram literalmente obrigados a ler e achavam os livros "selecionados" um ****) e se consideram os oráculos (e os produtores) da única "literatura de qualidade" possível. Não podia dar muito certo, não é mesmo?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Cidadão Brasileiro

    ± 105 dias

    O artigo tenta justificar a abundância de mediocridade, e não perde a viagem para enfiar junto uma pazada de proselitismo político do seu sabor preferido. Pode-se apontar uma tendência, mas não há como arguir que haja uma evolução para melhor. Nota-se que o texto deixa os medíocres muito confortáveis com seus mundinhos herméticos e a opção pela superficialidade (ou preguiça mental mesmo!) Valorizar a incapacidade crítica faz um bem danado... a quem vive de enganar com fakes ou besteirois... ou textos prolixos mal fundamentados.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    peace!

    ± 105 dias

    Estamos caminhando na linha de fahrenheit 451.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Maria das Graças Sousa Guimarães

    ± 105 dias

    Estou lendo “A vida intelectual” de A.-D. Sertillanges. Eis um exemplo da beleza: “A mais segura metafísica ensina-nos que em seus ápices a verdade e o bem não somente estão interligados, mas são idênticos.”

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • P

      Paula Beatriz de Sa Borini

      ± 104 dias

      Esse livro é incrível! Também estou lendo e aprendendo o que é ser um intelectual de fato!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    GRU

    ± 105 dias

    ACho que o foco do artigo foi equivocado . Não é uma questão de intelectualismo ou não mas de questionar a cultura brasileira que é de mediocridade. Cheguei a ler este livro "A Sutil arte ...". É realmente fraquíssimo até mesmo para um livro de auto-ajuda. Outro título para este livro poderia ser "É bonito ser medíocre".

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Steven Engler

    ± 105 dias

    Que tal um intelectualismo de pêra para pôr defeitos em um intelectualismo de cavanhaque? O apelo à contextualização histórica superficial (Alan Jacobs, Dale Carnegie) parece bastante o mimimi dos intelectuais esquerdistas criticados. O "tom de superioridade moral" deles se acha espelhado no tom de superioridade intelectual deste comentário. Todavia achei mil vezes mais interessante este artigo do que os livros mais vendidos. Valeu.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • _

    __Cloroquina!__

    ± 105 dias

    Estou esperando a publicação do livro Tormenta, escrito por Thaís Oyama. Previsão dia 20-1. Há também o livro do Prof. Ghiraldelli "A Filosofia explica Bolsonaro", ja nas livrarias. Proselitistas. Posam de virtuosos, temente a Deus, moralista, religiosos. São verdadeiros libertinos republicanos. Seduzem para ferrar.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • _

      __Cloroquina!__

      ± 105 dias

      Alexandre Souza: Não.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • A

      Alexandre Souza

      ± 105 dias

      Gosta de fofoca?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Leonardo

    ± 105 dias

    "Vitória da ciência sobre a metafísica." A ciência sem a metafísica cria monstros como qualquer outra atividade/disciplina quando utilizada de forma positivista. Ao final o autor está até correto em parte, a tal vitória das "coisas da matéria sobre as coisas da alma" aconteceu e ajudou a criar um país sem alma, prédios horrorosos, música sofrível, juventude psicótica, hedonista, superficial, analfabeta e mal educada, o respeito aos mais velhos, aos pais e ao sagrado desapareceu, mas que bom, temos smartphones, livros de auto-ajuda e o Felipe Neto e arranha-céus pra servir de trampolim.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • V

    Vitor Chvidchenko

    ± 105 dias

    Eu entendo que a questão abordada por este artigo seja bastante complexa, há vários aspectos aí que merecem atenção. De um lado, uma classe intelectual esnobe, majoritariamente de esquerda, que acha que pode decidir por si própria quais são os livros e autores que prestam (normalmente, aqueles ligados à sua turminha social e à sua ideologia) e condenar o restante. Do outro, uma população, em média, de baixo nível de instrução e cultura, que prefere ler receitas fáceis para a felicidade e o sucesso (autoajuda e afins) do que se aventurar por leituras de maior profundidade. Bom, se considerarmos qual é a realidade do brasileiro médio, este fato nem mesmo deveria nos surpreender. (continua)

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    3 Respostas
    • F

      Flavia

      ± 105 dias

      Sua análise, objetiva e resumida é perfeita e melhor do que a do autor do artigo!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      (concluindo) No meu mundo ideal, gostaria que as pessoas estivessem lendo autores e obras de qualidade. Mas, de minha parte, prefiro mil vezes que o brasileiro médio leia livros tipo "Como ficar milionário" do que a xaropada neo-marxista-picareta de um Piketty, ou o lixo filosófico desonesto de Michel Foucault (só para ficar em dois exemplos). Na autoajuda, o leitor pelo menos vai aprender alguma coisa que resultará em melhora na sua vida material. Nas obras de esquerda, ele só vai aprender a ser uma eterna vítima e ficar botando a culpa de seus fracassos sobre os outros, até o fim da sua vida - e, por decorrência, não sair da lama nunca. O que é melhor?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      (continuando) Mas não se trata aqui de condenar a população por estar lendo o que lê (como os nossos intelectuais esnobes adorariam fazer). Sim, é fato que a maior parte das obras de autoajuda são superficiais e de pouco valor. Por outro lado, é sintomático que uma quantidade enorme de pessoas estejam procurando este tipo de leitura: as pessoas estão procurando ajuda para as suas vidas, é fato. Grande parte delas já percebeu que a ideologia padrão de esquerda despejada sobre nós diariamente nas escolas, na mídia, pelos artistas, etc., não resolve os seus problemas. E isso é bom. (continua)

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    S.

    ± 105 dias

    Ao contrário do que o Karnall diz, livros como os de Napoleon Hill são muito bons.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      Eu concordo que Napoleon Hill tem o seu valor, apesar de que ele se repete um pouco, às vezes, e em alguns momentos extrapola demais nas suas fórmulas de sucesso. Mesmo assim, diz coisas interessantes que são bem aproveitáveis para a vida.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    RoCS

    ± 105 dias

    Em geral, compra-se o que está na moda, o que as Editoras induzem a comprar. Na música é parecido e muito pior.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Luiz Gustavo

    ± 105 dias

    Esse é um reflexo do que o brasileiro tornou-se devido a nossa educação. Pouco se estimula a leitura, e quando se estimula, são de obras que pouco acrescentam em nossa vida.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    elizio

    ± 105 dias

    Eu não sei o que é pior, a tristeza pelo fato de só lermos autoajuda, ou a forma com que isso foi abordado nesse artigo. Enfoderemo-nos, pois parece que nada é capaz de evitar "o triunfo da ciência sobre a metafísica, de tudo o que é material sobre os assuntos da alma." Rapaz, essa frase do triunfo da ciência realmente tocou minha alma, como alguém chega nessa conclusão a partir do fato de que a lista dos livros mais vendidos no país é composta exclusivamente por livros de autoajuda? Mistérios....

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    FERNANDO E GHIGNONE

    ± 105 dias

    Este é o maior atestado de falência do ensino no Brasil. O problema está na origem. Professores mal remunerados que não têm mais tempo para estudar e preparar as aulas. Obrigados a ter outro emprego para complementação de renda. Tive o privilégio de estudar em escola pública, com excelentes professores.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    3 Respostas
    • D

      D. L. Paiva

      ± 105 dias

      Não acho que seja culpa de professores mal remunerados, na maioria das vezes os professores são incompetentes mesmo, mal formados ou militantes.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • L

      Leonardo

      ± 105 dias

      A falência na educação além de ser por uma ideologização na mente dos professores, também é por observarmos que os professores de hoje, foram os piores alunos de ontem!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • M

      Meg Litton

      ± 105 dias

      Mas no seu tempo o professor já dava aulas o dia todo, com a diferença que era "um só trabalho": não queria enriquecer às custas do ensino (público). Ensinar é uma profissão que exige abnegação, amor e dedicação: nada que vá te deixar milionário...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    JOSÉ IVALDO

    ± 105 dias

    Artigo fraco, não sabe se alfineta os intelectuais de esquerda ou o povo que só lê auto ajuda. Mistura tudo, não diz nada, é confuso e ainda acha que está abalando. Colunas fracas viu Gazeta.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      Discordo, o autor tenta mostrar os dois lados da questão. Você não gostou porque preferia que o autor tomasse partido de um dos dois lados, o que ele (felizmente) não faz. E, de fato, se trata de um problema duplo: uma população realmente muito inculta, pouco letrada e que, quando lê, prefere receitas diretas e "técnicas" de auto-ajuda a algo de mais substância, e do outro, uma elite intelectual esquerdinha nojenta que só aceita que as pessoas leiam os autores que eles "aprovam" (ou seja, de sua ideologia). Eu, de minha parte, ainda prefiro que o povo esteja lendo autoajuda do que lendo intelectuais de esquerda. Faz muito menos mal para a vida.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • R

      RoCS

      ± 105 dias

      Valeu 'jênio', 'sertíssimo'.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Sérgio Guerra

    ± 105 dias

    Estive na livrarias Curitiba no último domingo e me surpreendi com a quantidade de pessoas la buscando seus temas. Mas muitos tbm comprando material escolar. Mas fui adquirir a corrupção da inteligência de Flávio Gordon e evangelhos apócrifos de Luís H. Rivas. Será que isso é um fenômeno do Sul do Brasil? Ou de Curitiba mesmo...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      E aí, Sérgio Guerra, como é que vai o PSDB? Heheheh...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • C

      Cassiano

      ± 105 dias

      Flavio Gordon é ótimo, quero ler a corrupção da inteligência também.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    João Victor

    ± 105 dias

    Perdemos muito tempo lendo besteira. A leitura fácil e chula em nossos livros mais vendidos mais parecem uma transcrição de textos constantes em blogs e páginas de internet. Não há nada em um livro do Mark Mason ou do Caio Carneiro que eu nao pudesse ler num blogueiro qualquer. A leitura rápida, aparentemente direta e sem "devaneios" também nos leva a leitores mais preguiçosos, com dificuldades de interpretação (não só de textos mais elaborados, mas também da própria realidade). Estamos fugindo da ideia da leitura de um livro enquanto um hábito de atenção, prazer e solidão. Uma pena.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paula Beatriz de Sa Borini

    ± 105 dias

    A literatura (dos clássicos) existe para que possamos conhecer fatos reais já vividos pela humanidade em determinado momento. É triste ver que muitos afirmam que quem lê clássicos não vive no mundo real, quando na verdade são justamente aqueles que têm mais capacidade de viver nele e viver com intensidade, no cotidiano do trabalho do escritório, dos hospitais, da casa em meio à família. Quem rejeita os clássicos está fadado a viver uma vida com a cara colada no chão, no pior sentido da expressão.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • 1

    150ml

    ± 105 dias

    Pela profundidade de análise do autor, ele somente deve ler a lista dos mais vendidos. Outra coisa, a tentativa de generalizar e concatenar "intelectual" com "progressista" ou "esquerdista" é algo que se pode chamar de manipulação ideológica. Ou pensadores à direita não são intelectuais? Teve até um trecho "isentão" que tenta passar a ideia de que o autor acredita na existência do intelectual de direita, quando, na essência, tenta vincular o termo somente à esquerda. Bem deprimente. Intelectual é um conceito que parece afetar aqueles que buscam soluções rápidas para problemas complexos.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Sr. Walker

    ± 105 dias

    Por falar na Academia Brasileira de Letras, ela ainda existe? Só sabíamos alguma coisa dela através do presidente Austragésilo de Atayde. Depois nunca mais. E três peguntas sobre a ABL: o que que faz, prá que serve e quanto custa?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    Neto

    ± 105 dias

    O celular matou o livro e jogou a pá de cal em cima.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • G

      gloxínia

      ± 105 dias

      Vitor Chvidchenko: Na realidade, as livrarias também estão fechando em outros países e o consumo de livros está de fato diminuindo. Infelizmente.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      Isso não é verdade, não. Livros de papel continuam existindo no mundo todo e vendendo. Aqui no Brasil, terra de gente bem iletrada, é que livrarias dão prejuízo. Mas lá fora a coisa é bem diferente. E de minha parte, continuo comprando tanto livro quanto antes.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Ricardo

    ± 105 dias

    A maioria das pessoas no Brasil têm urgências materiais, de ordem prática, para as quais buscam soluções. O tempo é escasso e o hábito da leitura, muito pouco difundido. Eis o resultado. Caso um dia nos tornemos ricos e com uma educação básica invejável, que fomente a leitura (isso provavelmente não virá das famílias) talvez haja tempo e disposição das pessoas para mergulhar nos “clássicos”. Hoje é algo muito distante da realidade do brasileiro médio.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • L

      Luiz Resende

      ± 105 dias

      Você já ouvi falar em sebo?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • L

      Leonardo

      ± 105 dias

      Ricardo seu breve comentário foi mais rico e elucidativo do que o artigo, parabéns.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    gloxínia

    ± 105 dias

    Seja culpa dos intelectuais, seja culpa dos pais, dos alunos, da sociedade, do celular, do Estado, a verdade é que o brasileiro lê pouco há muitos anos e lê mal. Se lesse mais, escreveria melhor, se comunicaria melhor. Vejo essa deficiência no ambiente de trabalho o tempo todo e a maioria das pessoas tem curso superior. Vejo também que, no geral, essas mesmas pessoas são as primeiras a culpar alguém por sua dificuldade: o professor era chato, a escola era ruim, ou os que se comunicam bem são arrogantes. Mas eles irem atrás do seu prejuízo, ah, isso eles não vão. Ou como escrevem muitos deles, isso eles não vam.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • G

      gloxínia

      ± 105 dias

      Marcos, essa história dava um quadrinho! Legal ter compartilhado.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • _

      __Cloroquina!__

      ± 105 dias

      Minha avó tinha muitas gloxínias, que eram furtadas do jardim quando ela não estava em casa! Minha avó dizia que tratava bem das plantas e quando davam flor, alguns passantes da rua furtavam para enfeitar o quintal dos outros! Todo ano ela fazia muda porque sabia que meia dúzia seriam furtadas!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • Z

    Zzz

    ± 105 dias

    Tem como ser intelectual sem gostar de livros? Despertar o hábito tem seu valor. Os livros mais vendidos fazem a ponte, ajudam a desenvolver o gosto para que o leitor busque novos títulos escondidos. Quem sabe se na infância não enfiassem Machado de Assis para crianças de 11 anos, quem sabe a lista hoje fosse diferente. Não existe caminho fácil, a construção da sociedade começa pelas crianças.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Luiz André Pereira da Silva

    ± 105 dias

    Eu não entendo por que a gente tem que ser excludente nas nossas leituras. Se leio um livro técnico ou de autoajuda, não leio ficção ou Machado de Assis. Pois aqueles são práticos mas estes são devaneios "inúteis", sério? O articulista alfineta os intelectuais que nos recomendam a ler Homero, Cícero, Virgílio e Machado de Assis que certamente ele os leu. Vai entender. E ainda elogia o autor inovador que diz resume o Eclesiastes para os ignaros. Meu Deus!!! O Eclesiastes tem 12 capítulos que qualquer pessoa alfabetizada lê em menos de uma hora. Eu não sei, por um acaso, é chique enaltecer a mediocridade dos leitores brasileiros? Se for, parabéns pelo artigo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Carlos M.

    ± 105 dias

    Excelente artigo. Os intelectuais deviam parar de chorar as pitangas no Instagram e ir, sei lá, ler um livro!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      Eu diria até mais: se eles querem ser mais lidos, então que comecem a escrever coisa melhor.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Mirtão

    ± 105 dias

    Pelo nível das músicas que a galera tem escutado ultimamente, não é de se admirar que na literatura sejam bregas e medíocres também.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Carlos Indio do Brasil de Paula Neves.

    ± 105 dias

    A nossa cultura reflete o que somos. E somos produto da sociedade, com sua mazelas que parece estão ficando maiores. É triste, mas é a realidade. As escolas bem como o nível de educação refletem isso.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Philipe dos Santos Pompeu

    ± 105 dias

    Os intelectuais vivem muito no mundo das ideias e pouco no mundo das ações concretas, elas contribuiriam mais pra literatura fazendo ações que estimulassem o interesse dos leitores do que chorando pela falta de cultura do proletariado

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      Na verdade, os dois aspectos são importantes. O lado prático da vida, das ações concretas - como você disse - é inegável. Porém, a gente não vive só de pão, trabalho e dinheiro. Cultura, arte, espiritualidade, aprofundamento do pensamento são necessários para uma vida mais completa. O problema, ao meu ver, são certos intelectuais esnobes que acham que só o seu mundinho particular importa e menosprezam as questões práticas da vida, com que o "cidadão comum" tem que lidar todo dia. TODOS os aspectos são importantes.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • W

    WANDERSSON LUIS COUTINHO DA SILVA

    ± 105 dias

    Compramos livros pragmáticos ou de mentalidade técnica para aprender como organizamos nossas ações e superamos a pobreza. Não dá para ficar lendo e discutindo o "sexo dos anjos" quando as crianças lá em casa de precisam de comida no prato todos os dias.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      Os dois lados são importantes... Cuidar do dia-a-dia, sem dúvida. Mas também pensar em transcender, ir além, se superar - não virar apenas uma vítima da rotina e das "coisas práticas".

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    DAC

    ± 105 dias

    Artigo muito bom. É claro que estamos em falta da Alta Cultura, mas culpar o leitor é culpar o efeito, não a causa. A busca pelo autoconhecimento é extremamente importante. Se não o buscamos em Dostoievski mas sim em Paulo Vieira, pouco importa. Na verdade, Paulo Vieira esclarece as complexidades da vida de maneira clara. Se os mesmo intelectuais tivessem saído de seus altares para nós apresentar Dostoievski na infância, talvez Paulo Vieira não seria necessário. Mas, naquela época, estavam preocupados em nos tornar militantes, não em desenvolver nosso pensamento crítico... Não se preocupem, Paulo Vieira é uma ponte, um resgate, ao hábito da leitura que levará a Dostoievski invariavelmente.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Marcos Zamith

    ± 105 dias

    A meu ver, esse artigo de opinião deixa a desejar... Possui características positivas como citação de dados, porém, se a finalidade é criticar a ideia autoritária de intelectuais (caso o sejam realmente) que choram e reclamam da venda dos livros mencionados, então seria necessário apresentar uma fundamentação teórica para justificar esse ponto de vista. Se não é lamentável, mas louvável, a escolha dos livros dos quais se queixam os intelectuais mencionados, que critérios utilizar para justificar o louvor merecido pelos citados livros de autoajuda, com palavrões nos títulos etc? Presumo que um mínimo de estética literária deveria estar presente na argumentação.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      E complementando: quer ser lido pelas pessoas? Então escreva algo que seja interessante para os outros. Não adianta só você se achar um gênio, se ninguém mais acha.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 105 dias

      Caramba, quanto bla-bla-blá pseudointelectual. Você deve ser um daqueles intelectuais esnobes que ficou irritado ao saber que os livros de autoajuda vendem mais do que a produção da sua turma dita "intelectual". Não tem que ter "fundamentação teórica" p**rra nenhuma, nem estética literária o c***lho. Basta ter CONTEÚDO e saber falar de forma clara e franca - coisas que vc, que se esconde atrás de um vocabulário rebuscado, provavelmente não sabe e não possui.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    NAILSON

    ± 105 dias

    Pragmatismo. É o que o mundo procura. Aliás, as grandes descobertas industriais se deu com trabalhadores das indústrias.... Quanto aos intelectuais que façam a seguinte indagação: "será que a raça estimula leitura de diversos países? Algum aluno do segundo grau leu Dostoiévski? Ou algum grande escritor Inglês, francês, ou quiçá Americano? Colombiano?" ***** nenhuma,...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

Fim dos comentários.