Mesa de trabalho #30

Por
17/7/17, 21h49 4 min 6 comentários

Nesta seção do Manual do Usuário, os leitores revelam o que têm e usam em suas mesas de trabalho. Na edição de hoje, temos a mesa de Cibelly Aguiar, que tem 18 anos, trabalha com mídias sociais e marketing em um escritório de advocacia de Boston, nos Estados Unidos. As descrições a seguir são dela, apenas com eventuais correções e adaptação de estilo. Veja as outras já publicadas aqui.

Meu nome é Cibelly Aguiar, tenho 18 anos, moro em Boston,Massachusetts, há quase 3 anos. Já mandei minha mesa de trabalho em casa para o Manual algumas vezes. Dessa vez, porém, resolvi mandar a mesa de trabalho no trabalho. Mudei de escritório recentemente e agora tenho uma mesa permanente e mais ampla com tudo o que uso no dia a dia.

Trabalho com Marketing num escritório de advocacia e desse cantinho da foto saem todas as minhas ideias e tudo que vai para as mídias digitais da empresa. Trabalho gerenciando Facebook, Twitter, criando propagandas para serem publicadas online, além de cuidar também do site. Apesar de estranho, não me interesso tanto por marketing e pretendo seguir uma carreira diferente mais para frente.

Enfim, vamos aos itens da mesa!

  1. Computador Dell: É o computador principal. Uso ele para todas as tarefas que preciso realizar no trabalho. É também a máquina com melhor configuração que tenho ali. Se não me engano, Core i3 com 4GB de RAM. É pouca coisa, mas para o trabalho de escritório está bem tranquilo.
  2. Monitor ligado ao notebook que está no chão: Na verdade, ali no chão tem três notebooks que vamos alternando na automatização de propagandas e afins. Meu chefe me prometeu um espaço para eles, mas ainda não ficou pronto. Enquanto isso, ficam no chão ligados a um teclado e mouse.
  3. Macbook Pro 15” 2017: Meu computador pessoal, mas estou levando para o trabalho porque algumas edições gosto de fazer usando o Mac, pela praticidade e porque o computador também é mais rápido.
  4. Carteira: Sempre deixo na mesa porque gosto de sair para comer, e não levo minha mochila, então deixando na mesa é menos difícil de esquecê-la.
  5. Agenda: Ganhei essa agenda de um amigo que trabalha numa concessionária Mini daqui. Ela tem papel quadriculado e folhas em branco, uso no dia a dia como agenda normal para anotar coisas básicas.
  6. Óculos escuro: Deixo ali também porque quando chego no trabalho morro de preguiça de guardar na bolsa e depois ter que tirar de novo para sair, fica mais prático já deixar ali.
  7. Vitamin Water: É uma bebida tipo Gatorade, gosto muito e tomo umas 2 a 3 por dia. Lembra muito o Gatorade brasileiro, portanto prefiro, porque não gosto do sabor do Gatorade daqui. Se alguém um dia ver para comprar, recomendo o sabor de açaí!
  8. Bala Altoids: Minhas balinhas de menta favoritas, sempre tenho na bolsa, na mesa de computador, tudo. Sempre deixo umas perto porque acho muito gostosas.
  9. Papéis de trabalho: Não tem muito o que explicar, guardo os papéis ali onde deveria ser colocado o teclado por uma questão prática, já que estamos num escritório novo e as prateleiras ainda não foram colocadas. Vou espalhando por ali… como o trabalho também é basicamente todo online, então realmente não faz diferença.

    Mande a sua mesa de trabalho

    Quer ver a sua mesa de trabalho aqui? Mande um e-mail para emily@manualdousuario.net, com o assunto “Mesa de trabalho”, contendo os seguintes itens:

    • Foto grande da mesa. No mínimo em 1920×1080, ou seja, proporção 16:9; quanto maior, melhor. Dicas: prefira tirar a foto de dia, com o auxílio do Sol, e se tiver uma câmera dedicada, prefira-a em vez da do smartphone.
    • Local. Onde fica a sua mesa, em casa ou na empresa/escritório? (Se for no seu local de trabalho, por favor, verifique com seu chefe antes se não tem problema. A última coisa que eu quero é causar a demissão de um leitor!) E se for numa empresa e puder, informe também o nome dela.
    • Descrição dos itens. O que tem na mesa, por que essas coisas estão nela, o que é legal/se destaca entre elas… enfim, explique-a para nós. Em texto corrido, com no máximo 500 palavras. (Use o Word ou Google Docs para monitorar o limite.)
Compartilhe: