Post livre #138

Por
10/8/18, 7h34 1 min 100 comentários

Toda sexta, o Manual do Usuário publica o post livre, um post sem conteúdo, apenas para abrir os comentários e conversarmos sobre quaisquer assuntos.

Compartilhe:
  • Gertrudes, a Lhama

    Alguém tem dicas de como controlar finanças pessoais?

    Atualmente uso uma planilha no Google Sheets, porque nunca achei um app que me satisfaça.

    Basicamente, registro as mesmas despesas/receitas todo mês (Cartão de crédito, faculdade, luz, aluguel, etc). Porém sempre achei que os aplicativos acabavam sendo inúteis quando usava eles pra isso. O que gosto é de poder ter uma visão geral e fazer estimativas:

    Na planilha, consigo “chutar” valores pros próximos meses, por exemplo. Se eu gastar x nisso, ganhando y, daqui 3 meses vou ter tantos reais na conta. Assim, faço estimativas de gastos e vou atualizando conforme as coisas acontecem. Isso me permite saber quanto eu posso gastar pra manter um saldo saudável no banco.

    O lado ruim é que editar no smartphone é um saco.

    • Anderson

      Cara eu já tentei usar app mas sempre faltava algo, uso planilha tbm, faço o mesmo “chuto” valores para próximos meses, edito gráficos… e dificilmente edito pelo smartphone, uso mais no pc ou tablet

    • Eu uso o Pocket Expense https://itunes.apple.com/br/app/pocket-expense-personal-finance-assistant/id424575621 Ter o controle no celular me é útil porque consigo lançar os gastos na hora ou, no máximo, no mesmo dia. Se deixar para depois, você acaba esquecendo. Outra coisa legal é que ele permite criar orçamentos para categorias, então… sei lá, coloco um limite de R$ 400 mensais com mercado para consigo acompanhar esse tipo de gasto e, se for o caso, pisar no freio perto do fim do mês. Também uso ele para controlar limite do cartão e investimentos (embora não seja o ideal; tenho que lançar tudo manualmente e nem sempre os números batem).

      Tem um livro, Dinheiro Sem Medo, do Eduardo Amuri, que é indicado para quem tem controle zero sobre as finanças. Ele propõe algo super simplificado, baseado em papel e estimativas. Pode ser útil para te ajudá-lo a ter essa visão macro do que você gasta por mês vs. quanto ganha. Aqui: https://www.amuri.com.br/livro

      • Gertrudes, a Lhama

        Parece um app legal, porém só tem pra iOS pelo jeito, então não rola.

        Eu não costumo registrar todos os gastos que faço, por exemplo o cartão de crédito fica só lá agrupado no total, então não controlo por categorias, talvez seja algo legal pra começar a fazer (O Nubank já ajuda bastante a separar no próprio app, mas não registro na planilha).

        O GuiaBolso sempre foi o app que chegou mais perto, porém lembro que, integrando com o Nubank, ele acabava duplicando as despesas (somava o valor de cada compra + o valor da fatura fechada?!?!?!?!). Não sei se corrigiram isso.

        • Tem para Android também, só acho que não está atualizado como a versão do iOS: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.appxy.pocketexpense&hl=en

          Acho importante quebrar os gastos do cartão porque aí você sabe em que fossos o dinheiro escorre — aquela coxinha todo dia no café, por exemplo.

          Eu faço assim: criei uma conta zerada no aplicativo para o Nubank. Ao longo do mês, vou lançando os gastos nela e, obviamente, o saldo fica negativo. Quando chega a fatura e eu pago, “transfiro” o valor da conta corrente (que tem sua conta no app também) para a do Nubank, que fica zerada novamente para o mês que se inicia.

          • Anderson

            Saber para onde está indo a grana do cartão de crédito é a diferença na hora de economizar e controlar os gastos, muitas pessoas mesmo pagando a fatura todo mês, utilizam enquanto tem limite ou até x valor, mas no final não sabem para onde foi a grana.

          • Gertrudes, a Lhama

            Sim, meu limite é de 9k (!!!) no Nubank, se eu não soubesse me controlar estava ferrado.

            Felizmente, não tenho problema de gastar mais do que ganho, pois sou consciente com cada compra. A ideia de quebrar os gastos do cartão é justamente identificar onde vai mais grana e ver se pode-se fazer algo pra diminuir.

          • binho_0

            se me desse um limite desse eu ia pedir pra baixar. q perigo!

          • Frederico

            no app dá pra controlar o limite
            pena que o limite mais baixo ainda seja 250 reais

          • binho_0

            tinha q ter opção nubank empreendedor: começando com 10k. aí sim seria realmente começando do zero com 10k, afinal essa grana não seria sua de qualquer jeito.

          • Gertrudes, a Lhama

            Estranho, tinha visto esse mas tinha me parecido outro app com o mesmo nome.

            Também acho legal quebrar os gastos do cartão, não o faço por pura inconveniência. Felizmente, não tenho problemas de gastar mais do que ganho, pois sou consciente com cada compra. Só não acompanho com números exatos.

            Gostei da tua estratégia. Vou tentar aplicar!

    • binho_0

      eu uso as minhas emoções pra controlar as finanças. funciona!

      • Explica melhor para nós como é isso aí!

        • binho_0

          simples: se algo me emociona, eu compro na hora. se algo me deixa entediado eu vou embora e não compro nada. mais simples ainda: se algo vai me ajudar a ser criativo, eu compro. se atrapalhar eu não compro. e assim vai. tudo na base da emoção. racionalidade nessas horas não serve pra absolutamente nada. no máximo pra saber em q bolso guardei o dinheiro.

          • Ah, entendo e compartilho, em parte, esse método de avaliar gastos. Mas essa é só uma parte do controle financeiro. O principal é saber onde/como/quando esses gastos acontecem, não o porquê.

          • binho_0

            bah… pra q isso, jovem?
            faz assim: pega o q vc recebeu, separa o do gasto fixo, e o resto vc torra onde quiser. quer fazer cosplay? faz. quer um pogobol? compra. quer pular de paraquedas? pula. onde = onde quiser. como = pagando, claro, né? dã…. quando = quando der vontade, pô.

          • Hahahaha, eu sou um pouco reticente com o amanhã. Se eu perder o emprego, por exemplo, quero ter uma sobra para aguentar um bom tempo sem ser contratado. (Ainda mais em jornalismo; o mercado está feio.)

          • binho_0

            ai vai ser sua grande chance de empreender. aproveita as dicas dos novos colunistas q estão surgindo no horizonte.

      • Gertrudes, a Lhama

        Eu era assim! Aí casei.

        • binho_0

          eu sou casado e a esposa entrou na dança.

      • HAHAHAHAHA nunca vi uma descrição tão fiel ao que eu faço pra organizar minha vida financeira. Vou passar a nomear dessa forma, obrigado!

        • binho_0

          vc quer ficar milionário? eu não quero, então eu não invisto e nem guardo nada. torro tudo. e o mais rápido possível (q é fácil, já q não tenho muito).

          • Mas investir é necessariamente um projeto para ficar milionário? Eu invisto quase tudo em renda fixa, coisa bem conservadora mesmo, do tipo que não me fará rico nem nada. Faço isso para o que eu consigo guardar não ser deteriorado pela inflação e para vencer ela um pouquinho, pensando em futuro/aposentadoria.

    • Will S.

      Eu já testei mais de 20 aplicativos para android e o melhor é o “minhas finanças”, ele tem um versão paga, mas vale muito a pena, e ele lê as notificações do nubank, digio, sms entre outros para puxar as despesas automaticamente, por exemplo, comprei uma coxinha com o nubank, ele identifica e lança automaticamente pra mim, aí só preciso editar a categoria (caso necessário), ele também identifica os sms do banco (uso o débito itaú, aí quando compro algo no débito ele identifica), e deixo lançado automaticamente todo mês umas contas, como por exemplo de telefone fixo, deixo o total de R$ 50,00 (sempre pra mais), aí quando recebo email com o valor exato, só edito o valor do próximo lançamento, caso tenha interesse posso te ajudar como mexer, rs, graças a esse aplicativo sei meu saldo daqui exatamente um ano.

      • Drax

        Mais um voto pro minhas finanças.

      • Gertrudes, a Lhama

        Vou testar! Valeu pela dica

    • Gabriel Arruda

      Eu uso o Toshl que também possui interface web, mas ele não integra com nenhum serviço. Ele já tem algumas visualizações prontas e pode-se exportar para Excel no final, não é dos melhores, mas me atende.

    • Eu comecei a usar o GuiaBolso essa semana. Ele é bem prático e a função de puxar os dados da sua conta ajuda bastante, porém acho que preferia algo mais no estilo de planilhas bonitinhas. Fora que senti falta de algo como previsão de gastos e despesas futuras.

      • Will S.

        da uma olhada no meu comentário acima sobre o minhas finanças, ele faz isso e ainda gera um excel bonitão

    • tuneman

      eu divido meu salário em 3 partes: uma para as contas do mês que vêm, outra que eu posso gastar e a ultima que eu guardo carinhosamente.
      sempre evito comprar parcelado.

    • binho_0

      falando sério, o nubank me ajuda a controlar bem os gastos pelo app. antes eu tinha q acessar o app do banco, q é ruim demais. o nubank deixa bem fresco na mente os gastos, qto vc tem, se está torrando, se está acabando. era o q eu precisava em termos de controle financeiro. a mudança de antes pra depois é: eu vivia meio sem saber qual era o gasto do cartão q acaba sendo o meu maior gasto e, agora, não é mais. foi simples e devia ter mudado há mais tempo.

      • * qto vc tem = o limite que o Nubank te dá. Nem sempre é o que você tem. Meu limite, por exemplo, é maior que meu salário, logo, é o que eu tenho e mais um pouco que não tenho.

        • binho_0

          Gasta tudo e dá calote, depois negocia no feirão de endividados e já era .

          • Hahaha, método VIDA LOKA de finanças pessoais com @disqus_XvHMjLGHao:disqus

    • Frederico

      Eu to estudando o modelo YNAB, porque não se trata de só anotar onde você gastou. É também prever gastos futuros recorrentes que você esquece porque eles não são mensais ou não tem periodicidade definida. E não se esqueça de ter a Reserva de Emergência!

    • n3h

      Eu uso o Organizze desde 2013 e dos vários apps que já testei, esse foi o melhor que encontrei mantendo um bom UI / “UX”.

    • Pedro Henrique Bonifácio

      Eu uso o Guia Bolso há um bom tempo, tenho ele integrado com minhas contas e raramente preciso editar algo manualmente. Como ele puxa os dados automaticamente, me “forço” a só usar cartão para que fique registrado todos os gastos.

  • binho_0

    Prende todo mundo!

  • O #DebateBand foi morno. Achei que rolariam altas agressões. Amoêdo deveria ter participado; deixaram aquele Daciolo (que superou o Bolsonaro em loucura!), por que não o candidato do Novo?

    • Anderson

      Acho q esse ano quem se sair melhor na internet (campanha direcionada, fake news, corrente, meme…) vai fazer a diferença nas urnas

    • Drax

      O Amoedo não foi pq o novo não tem representatividade no congresso.
      No mais, foi um debate teatro, sem propostas alguma. Só jogaram frases no intuito de ganhar a empatia do eleitorado.

    • binho_0

      foi um debate grotesco: sem ideias, sem carisma, sem perspectivas e com todo mundo fazendo piada em cima do novo maluco da vez… a única candidata q estava indo numa boa toada era a manuela q abriu mao da candidatura logo pelo lula… um tremendo erro, a meu ver. e, no fim da contas, fiquei sem candidato.

      • Vamos de Boulos e Guajajara.

        • binho_0

          não dá, jovem.
          gostaria de ter um bom motivo pra votar nele, mas não tenho.
          pode ser o menos pior, mas creio q contar, outra vez, com o menos pior está me fazendo pior.

      • Considerando a (forte) possibilidade de o Lula ser barrado e a chapa ser Hadad e Manuela, você ainda se sentiria sem candidato?

        • binho_0

          só se ela se comprometer em dar o golpe no haddad. a propósito: fui numa pizzaria vegana popular em sp semana retrasada e o haddad estava lá.

          • Frederico

            reclamou das ciclovias com ele?

          • binho_0

            na época q ele fez tava bom. parou a manutenção e tá muito ruim de pedalar por elas agora.
            só assim agora:
            https://www.youtube.com/watch?v=sCJCOW3rf0M

          • tuneman

            aqui estão ampliando as ciclovias. já uso diariamente pra ir trabalhar e estou tentado a usar também pra ir na aula…., mas já apareceram uns chatos reclamando que o prefeito “declarou guerra contra dos carros”

          • binho_0

            doria sabotou a vida dos ciclistas com a sua mentalidade marqueteira do inferno. agora corre-se o risco do estado inteiro ser governado por esse safado.

            https://youtu.be/qadVlEW6YB0?t=4m28s

          • Frederico

            Eu sabotei, mas só quem sabota pode consertar

    • Se o Amoêdo tinha que ser convidado, a Vera Lúcia do PSTU também…

    • ばか

      Não consigo ver uma luz no fim do túnel com este monte de malucos.
      Escolher o “menos pior” parece o melhor.

  • Gabriel Arruda

    Alguém já usou o Grabr: https://grabr.io/en/travel ?

    Eu estou pensando em testar, parece bom, mas não conheço ninguém que tenha usado.

    • Não e não conheço quem tenha. Se testar, conte para nós como foi a ~experiência!

    • binho_0

      usava um serviço chamado cabe na mala. funcionou bem enqto durou….

  • Matheus De Sena

    Dia dos pais chegando, e pensei em comprar um smartphone novo para o meu pai. Ele usa um Samsung Galaxy Trend Lite Duos (ufa!) desde 2015, por ser um idoso com pouco aptidão pra tecnologia o uso e necessidades dele são muito básicas, se resumindo a ligações, WhatsApp e YouTube, mas até nessas simples funções o aparelho não tem mais fôlego para um uso minimamente decente.
    Como meu pai já é acostumado com uma tela de 4 polegadas, além do fato dele trabalhar no Centro de Fortaleza que é uma cidade com altos índices de roubo de celular, passei os últimos dias pesquisando um celular novo, barato, com no máximo 4.7 polegadas e com 2gb de ram e 16 de armazenamento para rodar os apps mais básicos.

    Não encontrei absolutamente nenhum aparelho com no máximo 4.7 polegadas!!! São todos de 5 polegadas para cima. O único abaixo de 5 polegadas que encontrei foi o Samsung Galaxy J1 Mini que é praticamente a mesma coisa do aparelho que ele usa atualmente, ou seja, uma usabilidade sofrível e impraticável.

    Enfim, vou ter que comprar um aparelho de 5 polegadas porque o mercado simplesmente abandonou os smartphones com tela menores e mais de 1gb ram/8gb memória, até encontrei uma matéria do Ghedin sobre isso, e rezar para que um aparelho desse tamanho não chame a atenção de algum ladrão.

    Queria deixar aqui meu desabafo sobre essa situação.

    • n3h

      O iPhone SE não serviria ?

    • Seu pai disse expressamente que não gosta de tela grande? Porque, para o público mais velho, há um benefício óbvio em telas grandes — eles têm a vista cansada, mais dificuldade em enxergar. E com os avanços nas bordas, cada vez menores, um smartphone com tela de 5 polegadas não é muito maior que um de 4,5 de uns anos atrás.

      Eu daria uma olhada no Moto G6 ou um dos Galaxy J5/J7.

      • Matheus De Sena

        Acho que pra ele 5 polegadas é um benefício sim, mas o que me preocupa é ele sair de casa com um celular desse tamanho. Aqui em Fortaleza os índices de roubos de celulares são altíssimos, principalmente dentro de ônibus, e por ele ser idoso tem direito a gratuidade no transporte público, então ele prefere ir trabalhar de ônibus e usar o carro só para percursos mais distantes, tenho muito medo dele atender o celular na rua ou no ônibus, e isso chamar a atenção de algum criminoso :/

        Enfim, tô considerando comprar um Moto E4 pra ele, o preço e o fato do Android dele ser “quase puro” são atrativos que tão chamando bastante minha atenção.

  • binho_0

    qual o melhor livro sobre redes sociais q vcs já leram ou ouviram falar? não digo em ‘técnicas de como usar as redes’ ou mesmo marketing digital. é mais uma visão crítica da coisa (sem necessariamente ser pessimista, é o fim, antes era melhor etc).

  • Frederico

    Essa semana teve o encerramento de várias revistas da Abril e acho que isso não pegou ninguém de surpresa, talvez só os próprios funcionários dessas revistas. Contudo, o que achei surpreende mesmo foi o “encerramento” do Canal Esporte Interativo, que foi anunciado ontem.

    • Anderson

      Acho que tinha muita revista para pouco anunciantes, tbm fiquei surpreso com o EI apenas pela web e fora da TV

    • binho_0

      acho q as revistas, de um modo geral, não farão falta nas bancas, mas poderiam ter um novo arranjo em versão digital. se o problema da abril for gestão como dizem (e q seria irônico, afinal eles bancam historicamente os candidatos da ‘gestão eficiente’) não teria jeito mesmo, mas se não for o caso, poxa, os empregos poderiam ser mantidos.
      pois é… o q houve com o canal esporte interativo?

      • Frederico
      • O lance da Abril é que o grupo estava afundado em dívidas, aí o sócio de uma consultoria especializada em recuperação financeira assumiu a presidência. E esse povo, você sabe, não tem qualquer afeto por memória, papel (sem ser o das cédulas), nada. Eles cortam sem piedade para fazer as contas fecharem.

        Contexto: https://www.gazetadopovo.com.br/economia/familia-civita-deixa-o-comando-do-grupo-abril-b0t5jpoearfafyj8lrx8c9dp3

      • Frederico

        foda que abril tb nunca percebeu direito que essa tal de internet veio para ficar e que é uma midia diferente das revistas
        não adiantava fazer um pdf online

        • binho_0

          Exactamente isso

          • É difícil competir com a celeridade da web e, mais ainda, das redes sociais, mas, fazendo uma defesinha aqui da Abril, as revistas digitais deles são até que ok em relação ao formato. Têm recursos multimídia, índice interativo, zoom. Talvez um “PDF bombado” seja uma descrição melhor. (Leio algumas no GoRead.)

            E tem uma característica que só recentemente passei a valorizar: finitude. Acho exaustivo que a maioria dos sites atuais empurrem conteúdo infinito ao leitor. O jornal nunca tem fim, a revista sempre tem alguma coisa sendo publicada para preencher as 24 horas do dia. A revista, não: é um pacote fechado, que você lê de cabo a rabo em algumas horas ou seleciona algumas matérias sem o risco de, ao terminá-las, outras 20 terem brotado na capa.

          • Frederico

            eu gostei muito da revista Deriva, que publica uma cacetada de coisas no período de umas 2 semanas, depois volta só 6-7 meses depois

    • tuneman

      nao sabia dessas. com o advento da internet ficou dificil continuar a ler revista e jornal.
      tenho um amigo que ainda assina a super interessante. eu acho quela revista uma porcaria. não passa de um apanhado de curiosidades…. hehe

      • binho_0

        essa tal de internet veio pra ficar

  • Frederico

    Alguém aqui já assinou algum clube de cervejas?

    • Eu até gosto de cervejas diferentonas, mas acho o custo-benefício meio salgado. O que eu faço é ficar de olho nos mercados perto da redação. Hoje, por exemplo, tinha Colorado por R$ 1,99 no Muffato. #nãoéad

      • Drax

        Eu tbm, mas é tudo muito caro. Tomo só ocasionalmente. O jeito menos caro que encontrei para beber essas cervejas foi um barzinho que abriu perto do escritório, onde você compra o growler e depois só paga o litro da bebida.
        Além disso, frequentemente esse bar altera as marcas e sabores das bebidas a venda

      • Frederico

        Mas colorado nem é boa…

        Tava vendo uns com algumas cervejas, tanto nacionais quanto de fora, que nunca vi na vida. Até achei um com um cupom para receber mais 4 garrafas extras no primeiro mês, acho que vou assinar

        • Tomei algumas Colorado ontem e, sei lá, achei elas boas. O bom de não ter o paladar super refinado é que dá para se contentar com bebidas medianas e não tão caras :)

          • Frederico

            Acho que meu paladar também não é grandes coisas, mas tem algumas cervejas que simplesmente não descem comigo, algumas delas são Colorado, principalmente aquela com mel.

          • Achei a de mel bem boa. Na real, todas que provei na sexta (essa de mel, a pielsen com mandioca e uma IPA com uvaia) estavam gostosas.

            Acho que entre as “mais caras porém ainda dentro da realidade” a que menos gosto é Heineken.

  • binho_0

    as imagens da Tatiane Spitzner sendo atacada pelo marido sob câmeras de segurança e gritando no elevador com a indiferença dos vizinhos foi algo aterrador. qdo a gente se dispõe a não fazer absolutamente nada em relação ao outro, abrimos caminho pra barbárie.

    obs: não faltam armas; falta coragem mesmo.

  • binho_0

    70 mil pessoas assassinadas em 2017 em terras brasileiras.
    esta infâmia não mobiliza a sociedade.
    não vai faltar aproveitador nessas eleições pra tornar esses números ainda maiores em 2018.

    • tuneman

      isso não interessa, o que interessa é ter gasolina barata!!!!
      /s

  • binho_0

    ao amigos q gostam de ler.
    me dei conta q a amazon vende livros em espanhol por preço excelente para kindle.
    exemplo: contos completos do borges.
    https://www.amazon.com.br/Cuentos-completos-Jorge-Luis-Borges-ebook/dp/B0062Y7C18?qid=1533934032&refinements=p_27%3AJorge+Luis+Borges%2Cp_n_feature_browse-bin%3A12636744011&rnid=6406076011&sr=1-1&text=Jorge+Luis+Borges&ref=sr_1_1

    creio q para autores em espanhol é super válido, pois há a chance de lê-los no original e gastando bem menos q na tradução vendida aqui seja impressa ou digital.

  • Frederico

    @ghedin:disqus conte mais sobre sua experiência comprando óculos online: em qual loja foi?

    • binho_0

      óticas carol

    • Óculos Shop. Nunca tinha ouvido falar. Encontrei por acaso, pesquisando, e dei uma olhada nos Reclame Aqui da vida. Pareceu ok, resolvi arriscar — estavam dando 10% de desconto no boleto e mais um cupom de 40%.

      Foi tranquilo. Todo o processo é bem documentado e os óculos chegaram antes do previsto.

      Quanto à escolha do modelo, eu já tinha visto alguns em lojas aqui da cidade. Comprei um da Polaroid, que apresentou um bom custo-benefício. Fiquei satisfeito! (E, se não, a loja promete uma troca gratuita.)

      • Frederico

        Foi com grau ou você deixou para botar numa ótica física?
        Única vez que comprei online foi quando a Lema21 ainda era independente. Até que deu certo, mas só confiei porque pude experimentar 4 modelos antes

  • Frederico

    Que merda esse sistema de cupons da Amazon para ebooks, hein
    Você digita o cupom, o sistema diz “ok! resultado após efetivação do pedido” mas o valor antes de você confirmar a compra não muda… então não tem como saber se realmente a mensagem é um ok genuíno. Pois bem, fica a compra e… valor foi cobrado cheio

    • binho_0

      Puts. Reclama e em cinco minutos um cara com sotaque espanhol te liga explicando o q houve.

      • Frederico

        Já devolvi o livro, mas ai o reembolso pode acontecer até DUAS faturas do cartão, que absurdo

  • binho_0

    @ghedin:disqus vc não estava interessado em saber mais sobre música clássica? Provavelmente seu interesse tb ia de encontro a teoria musical. De todo modo, fica aqui duas dicas legais de leitura um pouco mais amplas: ‘escuta só’ e ‘o resto é ruído’, do alex ross. tb deixei na fila aqui ‘o som e o sentido’, do josé miguel wisnik e ‘o triunfo da música’, do tim blanning. como a música é uma das artes q eu mais tenho contato (mais q cinema e fotografia até), acho q vale o esforço de compreendê-la melhor.

    • Obrigado pelas dicas! Eu deixo algumas sinfonias baixadas no celular (as mais famosonas, Beethoven e as suítes de violoncelo de Bach), mas ouço raramente. E quando ouço, embora goste muito, fico sempre com a sensação de que aproveitaria melhor se conhecesse um pouco mais do que estou ouvindo. Meu tempo para leituras “recreativas” anda escasso, mas anotei as sugestões. Obrigado!