i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Acidente áereo

Avião cai em arquipélago no Oceano Índico com 150 a bordo, diz agência

Aeronave da Yemenia Air caiu no arquipélago de Comoros. Não há informações sobre sobreviventes, informou o Iêmen

  • PorG1/Globo.com com informações da Reuters
  • 29/06/2009 19:07
Website da companhia aérea Yemenia Air | Reprodução / Yemenia Air
Website da companhia aérea Yemenia Air| Foto: Reprodução / Yemenia Air

Um avião da companhia Yemenia Air caiu nas ilhas Comores, no Oceano Índico, com 150 pessoas a bordo. Segundo a rede de TV CNN e agências de notícias, o acidente ocorreu nas primeiras horas de terça-feira, 30, no horário local (noite do dia 29 no horário de Brasília).

"Não sabemos se há sobreviventes", disse à agência Reuters o vice-presidente de Comores, Idi Nadhoim, do aeroporto de Moroni, capital de Comores.

"Há um acidente, há um acidente no mar", disse um funcionário da Yemenia que não quis se identificar à agência Reuters, em Moroni.

Os detalhes do voo ainda são desconhecidos. Segundo a BBC, um voo que partiu de Paris fez uma conexão em Sanaa, capital do Iêmen, antes do anúncio do acidente.

Um médico da cidade de Mitsamiouli, nas ilhas Comores, informou que foi chamado ao hospital. "Eles apenas me chamaram para o hospital", declarou. "Disseram que um avião havia caído."

Uma fonte da polícia de Comores declarou que o avião provavelmente caiu no mar. "Nós, realmente, não temos capacidade para fazer o resgate no mar", disse.

O arquipélago é composto por três pequenas ilhas vulcânicas - Grande Comore, Anjouan and Moheli.

A frota da companhia é composta por dois Airbus 330-200s, quatro Airbus 310-300s e quatro Boeing 737-800s, segundo o site da empresa. O governo do Iêmen possui 51% do capital da empresa e a Arábia Saudita, 49%, de acordo com a Reuters.

De acordo com a BBC Brasil, um oficial do Aeroporto Internacional de Sanaa disse que a maioria dos passageiros seria comorense.

Segundo o site da rede CNN, o avião seria um Airbus A310. Ainda não há confirmação oficial sobre a aeronave.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.