• 21/07/2020 22:05
Pleito presidencial

Eleições na Bolívia: pesquisa mostra “afilhado de Evo” e Carlos Mesa empatados

  • 21/07/2020 22:05
    • Gazeta do Povo
    Eleitores bolivianos fazem manifestação durante as eleições de 2019.
    Eleitores bolivianos fazem manifestação durante as eleições de 2019.| Foto: AFP

    Pesquisa sobre as intenções de voto para presidente da Bolívia divulgadas nesta terça-feira (21) indicam empate técnico entre Luis Arce, afilhado político de Evo Morales, do Movimento para o Socialismo (MAS), e o ex-presidente Carlos Mesa, que esteve à frente do Executivo boliviano entre outubro de 2003 e março de 2005. Ambos têm 26% das intenções de voto, enquanto a presidente interina, Jeanine Áñez, tem 14%.

    A consulta foi encomendada pela rede de televisão RTP e realizada pela empresa Ipsos. A pesquisa foi conduzida nas capitais das nove regiões da Bolívia e em El Alto, cidade vizinha a La Paz. Inicialmente previstas para 3 de maio, as eleições presidenciais da Bolívia foram adiadas para 6 de setembro devido à pandemia da Covid-19.

    Em um hipotético segundo turno, Mesa bateria Arce por 48% a 34%. O ex-presidente também venceria Áñez, com 46% contra 24%. Já Áñez venceria Arce por 42% a 39% em uma disputa direta. Importante ressaltar, porém, que a pesquisa divulgada hoje não contemplou as zonas rurais, redutos eleitorais do MAS. Luis Arce foi o candidato escolhido a dedo por Evo Morales, que se encontra exilado na Argentina no momento. Morales renunciou à presidência, cargo que ocupava desde 2006, em novembro de 2019, em meio a denúncias de fraude eleitoral.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.