Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A Comissão Nacional de Reforma e Desenvolvimento, principal órgão de planejamento da economia chinesa, aprovou oficialmente um plano para dobrar a capacidade do país de gerar energia nuclear. O plano torna oficial a intenção chinesa, já anunciada anteriormente, de gerar anualmente 40 mil megawatts de energia nuclear em 2020, frente aos 16.970 atuais, o que implicará na construção de quase 20 novos reatores (atualmente há 11 em funcionamento).

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]