Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Os minitros das Relações Exteriores da União Européia (UE) fazem uma reunião de emergência nesta terça-feira, em Paris, para analisar a situação em Gaza, em uma tentativa de encontrar uma saída para a crise entre Israel e os islamitas palestinos do Hamas.

A União Européia, que nunca teve um verdadeiro peso político no Oriente Médio, deve pedir um cessar-fogo dos ataques israelenses e dos disparos de foguetes palestinos. Também deve pedir o envio de ajuda humanitária e defender que se alivie o bloqueio israelense de Gaza.

Os chanceleres se reunirão na sede do ministério francês das Relações Exteriores durante a tarde.

Pouco antes da reunião, o bloco divulgou um comunicado.

"A Comissão pede a suspensão imediata de hostilidades militares que estão causando um forte impacto sobre a população civil em Gaza. Também faz um apelo firme para que suspendam os ataques com foguetes a alvos civis israelenses", diz o texto.

O comunicado cita ainda a "situação dramática" em hospitais de Gaza e pede acesso a suprimento de bens essenciais para ajuda humanitária.

Muitos dos 27 governos integrantes da União Européia já pediram individualmente o fim das hostilidades em Gaza, e alguns condenaram os ataques de Israel.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]