Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
 | Juan Carlos Ulate - Reuters/JUAN CARLOS ULATE - REUTERS
| Foto: Juan Carlos Ulate - Reuters/JUAN CARLOS ULATE - REUTERS

Um estudo norte-americano divulgado na última semana quer derrubar um grande mito: o de que todas as formigas são trabalhadoras incansáveis. De acordo com análise de uma comunidade destes insetos por pesquisadores da Universidade de Tucson, no Arizona, quase metade deles não faz nada enquanto os outros trabalham.

Vídeo mostra aurora boreal nos céus da Escócia em time-lapse

O site “Mashable” publicou em seu canal no Youtube um vídeo que mostra uma belíssima aurora boreal na Escócia.

Leia a matéria completa

Para chegar a esta conclusão, os norte-americanos montaram em laboratório uma colônia com formigas de uma espécie comum nos Estados Unidos. O habitat foi reproduzido de forma fiel ao natural -- com comida e “material de construção” para estimular as atividade. Eles então marcaram cada um dos indivíduos e passaram a monitorá-los.

Os cientistas observaram 225 formigas e constataram que 34 delas atuavam como babás, cuidado de indivíduos menores; 26 faziam trabalhos externos, fora do formigueiro; 62 faziam qualquer tipo de trabalho; e 103 não faziam absolutamente nada.

Mas a ociosidade pode ter explicação, pondera o principal autor do estudo, Daniel Charbonneau. Uma das explicações é que estas formigas inativas podem ser, na verdade, um exército que só entra em ação quando necessário defender o formigueiro.

“Existe também a hipótese de que essas formigas não estejam cientes de que existem tarefas que devem fazer ou que fiquem mesmo circulando e tentando evitar o trabalho”, diz Charbonneau, que adianta que continuará as pesquisas para encontrar estas respostas.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]