Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Um homem condenado por ter mantido relações sexuais em uma praia na Flórida na frente de uma criança foi condenado ontem a dois anos e meio de prisão, disse um procurador da República. José Caballero, de 40 anos, foi preso em Bradenton Beach, no centro-oeste da Flórida, em julho do ano passado, depois que outros banhistas reclamaram que ele manteve relações sexuais na praia no meio da tarde. Uma criança de 4 anos viu o ato. A mulher envolvida, Elissa Alvarez, de 21 anos, também foi considerada culpada de exibição lasciva ou sensual na frente de uma criança. Ela já foi libertada, pois sua sentença já foi cumprida enquanto estava na prisão.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]